Tags

O ponto de partida do seu roteiro de viagem.

Hotéis

O que fazer em Budapeste – 10 atrações imperdíveis e dicas

O que fazer em Budapeste – 10 atrações imperdíveis e dicas
Crédito: DepositPhotos


Cortada pelo rio Danúbio, a capital da Hungria é uma das cidades mais bonitas do leste europeu. Neste post, vou dar dicas de hotéis, restaurantes, tours (tem até um gratuito) e atrações imperdíveis para que você descubra o que fazer em Budapeste. Trata-se de um destino encantador.

Vale saber, de cara, que a cidade é dividida em duas: Buda, a área mais classuda, e Peste, a mais moderninha. E o melhor de tudo é que, em ambas, há muitas atrações e pontos turísticos.

Além disso, Budapeste pode ser visitada em dobradinha com diversas outras capitais europeias, entre elas Viena, a linda capital austríaca. Dá para ir de trem, de carro alugado ou até de barco de um destino para outro, passando ainda por Bratislava, na Eslovênia.

O que fazer em Budapeste

O que fazer em Budapeste
Budapeste fica às margens do rio Danúbio

Com uma história rica, arquitetura de encher os olhos e uma cena cultural pulsante, Budapeste reúne muito o que fazer. Entre as atrações de Peste, por exemplo, estão o famoso Parlamento, as Termas Széchenyi e a agitada vida noturna.

Buda, por sua vez, tem um castelo lindíssimo, cercado por vários museus, galerias de arte e restaurantes pitorescos. E o melhor de tudo é que, no meio das duas, estão as pontes maravilhosas que passam por cima do Danúbio e criam cenas inesquecíveis de cartões-postais.

As principais atrações de Budapeste são:

  1. Parlamento Húngaro
  2. Ponte das Correntes
  3. Basílica São Estevão
  4. Ópera de Budapeste
  5. Parque Városliget e Castelo Vajdahunyad
  6. Praça dos Heróis
  7. Váci utca
  8. Igreja de Matias
  9. Bastião dos Pescadores
  10. Termas Széchenyi

Neste artigo, você verá cada uma delas em detalhes. Dividi o post em tópicos para facilitar sua vida na hora de planejar um roteiro em Budapeste, inclusive com dicas de seguro viagem e chip de internet na Hungria. Isso porque não é fácil entender o idioma por lá, o que torna mais importante manter-se conectado o tempo todo, para consultar aplicativos como Google Maps, Google Translate e por aí vai.

E aí, pronto para conhecer Budapeste?

Encontre aqui boas opções de hospedagem em Budapeste.

Onde fica Budapeste

Budapeste fica na parte norte da Hungria. Além de ser a capital, a cidade é a mais populosa do país.

O Danúbio corta o destino e tem um papel importante em sua história. Antigamente, a cidade era dividida em dois territórios: Buda (região alta e montanhosa, situada à margem esquerda do rio) e Peste (cidade baixa localizada ao lado direito da água).

Em 1873, as regiões se juntaram para formar o município de Budapeste.

Planeje-se – Passagens aéreas em oferta para Budapeste.

10 atrações em Budapeste

Confira os principais pontos turísticos de Budapeste e o que não pode ficar de fora do roteiro pela capital húngara.

1 – Parlamento Húngaro

O que fazer em Budapeste
Parlamento Húngaro

O prédio do Parlamento Húngaro é um dos edifícios legislativos mais antigos da Europa. Ele fica na bela praça Kossuth Lajos, às margens do Danúbio.

Além de apreciar o visual externo da construção, vale a pena realizar o tour por dentro do prédio. As visitas duram cerca de 45 minutos e permitem observar salas enormes com obras de arte e decorações incríveis.

  • Endereço: Kossuth Lajos tér 1-3
  • Horário de funcionamento: segunda-feira a sexta-feira, das 8h às 18h. Sábado e domingo, das 8h às 16h.

Veja informações e valores do tour no Parlamento Húngaro, em Budapeste.

2 – Ponte das Correntes

O que fazer em Budapeste
Ponte das Correntes

A Ponte das Correntes interliga as antigas áreas de Buda e Peste. Ela foi essencial para o processo de união das cidades.

A construção foi inaugurada em 1849 e exibe alguns diferenciais que conquistam os turistas, como os grandes leões esculpidos em pedra.

Uma boa dica para ver a estrutura de um jeito diferente é fazer um tour de barco ao anoitecer em Budapeste. Ali, do Danúbio, é possível ver a cidade toda iluminada, em uma imagem inesquecível.

3 – Basílica São Estevão

O que fazer em Budapeste
Basílica São Estevão

A Basílica São Estevão é o maior prédio religioso de toda a Hungria. Imponente, presta homenagem a Estevão I, primeiro rei do país.

O templo fica no ponto mais alto de Budapeste, localizado no Centro Histórico. Quem passa por ali pode visitar seu interior e subir nas torres, que oferecem vistas privilegiadas da cidade.

  • Endereço: Szent István tér 1

4 – Ópera de Budapeste

O que fazer em Budapeste
Ópera de Budapeste

O prédio da Ópera de Budapeste é outra joia arquitetônica da capital húngara. O projeto em estilo neorrenascentista foi bancado por Francisco José I, imperador da Áustria e rei da Boêmia, no final do século 19.

Vale a pena realizar um tour no local ou visitá-lo para assistir a algum espetáculo.

  • Endereço: Andrássy út 22

5 – Parque Városliget e Castelo Vajdahunyad

O que fazer em Budapeste
Castelo Vajdahunyad

Perfeito para um piquenique, o Parque Városliget conta com uma enorme área verde. Além das trilhas, o complexo é lar de atrações como zoológico e parque de diversões.

Outro destaque do Parque Városliget é o Castelo Vajdahunyad, que foi construído para celebrar os mil anos da Hungria, em 1896. Atualmente, o local abriga o Museu da Agricultura Húngara.

  • Endereço: Kós Károly stny

6 – Praça dos Heróis

O que fazer em Budapeste
Praça dos Heróis

Conhecida como uma das praças mais importantes de Budapeste, a Praça dos Heróis fica pertinho do Parque Városliget. Seu conjunto arquitetônico é reconhecido como Patrimônio da Humanidade pela UNESCO.

Além de ficar próxima a museus incríveis, a praça é lar de monumentos históricos e imponentes. Suas estátuas prestam homenagens aos líderes das tribos que fundaram o país.

7 – Váci utca

O que fazer em Budapeste
Váci utca

A Váci utca é uma das vias de pedestres mais famosas da cidade. O local é ideal para passeios a pé tanto de dia como à noite.

Ao caminhar por lá, é possível encontrar lojas de roupas conceituadas, mercadinhos, cafés charmosos, bares e muitos restaurantes.

8 – Igreja de Matias

O que fazer em Budapeste
Igreja de Matias

O bairro histórico do Castelo Real é lar de pontos turísticos como a Igreja de Matias. O local é o maior templo católico da Hungria e chama atenção com seu visual neogótico.

Vale a pena destacar que, ao longo dos anos, a igreja foi palco de momentos históricos. Entre eles, a coroação de Carlos IV, em 1916.

  • Endereço: Szentháromság tér 2

9 – Bastião dos Pescadores

O que fazer em Budapeste
Bastião dos Pescadores

Próximo à Igreja de Matias, o Bastião dos Pescadores é outro local que precisa estar em um roteiro para Budapeste.

Com sete torres e uma fortaleza, a construção fica na antiga região de Buda e tem um mirante que permite contemplar Peste de forma inesquecível.

Dali, vale a pena também caminhar até o Castelo de Buda, onde é possível fazer visitas guiadas. O melhor de tudo é que elas são gratuitas.

  • Endereço: Szentháromság tér

10 – Termas Széchenyi

O que fazer em Budapeste
Termas Széchenyi

Indicado para quem quer relaxar, o Széchenyi é um famoso spa termal em Budapeste. Ali, é possível explorar os tradicionais banhos em estilo romano.

O complexo tem várias piscinas com águas quentes, que contam com componentes e minerais diferenciados. Há opções internas e uma grande área molhada na área externa.

  • Endereço: Állatkerti krt. 9-11
  • Horário de funcionamento: segunda-feira a sexta-feira, das 7h às 19h. Sábado e domingo, das 9h às 20h.

Como economizar nos ingressos

Uma boa dica para economizar nos ingressos na hora de visitar as principais atrações de Budapeste é adquirir o Budapest Card. Trata-se de um cartão que inclui transporte público ilimitado, acesso aos principais museus, ingresso do Balneário Lukács e descontos em diversos pontos turísticos da capital húngara.

O Budapeste Card é vendido em pacotes de um a cinco dias. Considero o de dois vendido neste site em português perfeito. E o melhor de tudo é que crianças menores de 6 anos não pagam.

O  Budapest Card inclui:

  • Ingresso dos principais museus da cidade.
  • Ingresso do Balneário Lukács.
  • Transporte público ilimitado.
  • Duas visitas guiadas por Budapeste (em inglês).
  • Descontos em mais de 100 atrações turísticas, lojas e restaurantes.

Outra dica é fazer este tour gratuito em Budapeste, que é muito bem avaliado.

Veja aqui informações e valores do Budapest Card.

Como chegar a Budapeste

O que fazer em Budapeste
Budapeste

Não existem voos diretos do Brasil a Budapeste. Várias companhias aéreas, contudo, oferecem rotas com destino final à capital da Hungria. Minha dica é usar um metabuscador confiável e que entrega o localizador na hora da compra, como o Vai de Promo. E o melhor de tudo é que dá para pagar em parelas.

A Lufthansa, por exemplo, faz escalas na Alemanha antes de chegar à Budapeste. TAP e KLM, por sua vez, param em Portugal e Holanda, respectivamente.

Para quem já está na Europa, a dica é tentar encontrar voos de companhias low cost ou viajar de trem. Há também a opção de pegar um barco em Viena, na Áustria, que passa pela Bratislava antes de chegar a Budapeste.

Transporte em Budapeste

É possível ir a todas as partes de Budapeste usando transporte público. O sistema da cidade é composto por ônibus, metrô, bonde, trólebus e tram.

Há também linhas de trem que levam a cidades vizinhas e bairros mais afastados do centro, e também ônibus turísticos estilo hop on hop off, sempre muito práticos (com eles, dá para parar em diversos pontos turísticos e subir e descer de vários ônibus que passam pela rota durante o dia).

Alugar uma bicicleta e explorar o destino pedalando também é uma boa opção. Além disso, dá para utilizar carros de aplicativos e táxis.

Caso o objetivo seja ter mais liberdade quando o assunto é locomoção, o recomendado é alugar um carro, principalmente se você pretende ir para cidades de outros países, como Viena, na Áustria, ou Munique, na Alemanha. Este comparador online reúne as melhores locadoras do mundo em um único local. Com ela, é possível encontrar os melhores preços para alugar um veículo em Budapeste.

Quando ir a Budapeste

O que fazer em Budapeste
Budapeste

Os meses de primavera e outono são as melhores épocas para ir a Budapeste. Nesses períodos, é possível explorar a cidade sem enfrentar temperaturas extremas.

No verão, a capital ferve, já que os termômetros passam de 30°C. Além disso, o alto número de turistas faz com que os preços de hotéis subam.

Já no inverno as tarifas de hospedagem ficam um pouco mais baratas e as ruas são tomadas por uma camada branca de neve. É durante essa época que o destino recebe vários mercados de Natal, que podem dar um toque especial ao roteiro.

Seguro viagem Europa

Ao viajar, não deixe de fazer um seguro viagem. Afinal, os custos com saúde fora do Brasil costumam ser caríssimos e todos estão sujeitos a imprevistos.

Caso você tenha comprado as passagens aéreas com cartão de crédito, verifique se você não tem direito a um plano de seguro viagem. Do contrário, minha sugestão é entrar neste comparador online, que vasculha as principais seguradoras de viagem em busca dos melhores preços, sem que você precise ficar entrando no site de cada uma delas. É uma mão na roda, eu não viajo sem fazer isso.

O grande lance é que você economiza e ainda ganha um tempão na hora de fechar o seguro viagem. Depois de fazer sua escolha, use o cupom ROTADEFERIAS15 na caixa “Cupom de desconto” e ganhe 15% de desconto.

Chip viagem Europa

Confesso: não consigo viajar mais sem um chip viagem internacional. Ficar conectado é imprescindível por vários aspectos: comunicação, segurança e praticidade. Nunca se sabe quando você precisará falar com alguém, consultar algum endereço, resolver algum problema ou garantir alguma reserva.

Existem várias opções no mercado, mas o serviço que mais me adaptei foi o da America Chip. Primeiro porque funciona bem na maioria dos lugares (em todo o mundo), e segundo porque o atendimento é ótimo. Eles têm até chips virtuais, o que facilita muito a vida na hora de instalar no telefone e usar. É realmente prático.

Não se esqueça de consultar os preços e contratar seu pacote antes de viajar.

Roteiro de 2 dias em Budapeste

Roteiro em Budapeste

Veja o que fazer em Budapeste em um roteiro de dois dias. Uma boa dica para ganhar tempo é visitá-las a partir dos ônibus turísticos hop on hop off disponíveis na cidade, nos quais você pode subir e descer em qual ponto quiser pelo caminho ao longo do dia.

1º dia – Peste

  • Comece a viagem por Budapeste seguindo de metrô ou a pé, dependendo da sua localização, para a estação Kossuth Lajus Ter. Ao sair dela você verá o belíssimo Parlamento Húngaro. Se tiver tempo, faça um tour por lá.
  • Na saída, observe e tire foto das pontes que cortam o Danúbio, entre elas a cênica Ponte das Correntes. É possível fazer passeios de barco pela região.
  • Caminhando pelo Centro Histórico de Budapeste, vá à Basílica São Estevão e também à Ópera, que é linda.
  • Siga de metrô para o Parque Városliget, onde é possível visitar o Castelo Vajdahunyad.
  • Vá à Praça dos Heróis, importante ponto de encontro de Budapeste e palco de protestos e revoluções históricas no país.
  • Reserve o fim da tarde para caminhar pela Váci utca, onde há lojas e shoppings.
  • Passe a noite nos bares da Praça Mikszáth Kálmán, como o famoso Zappa Café.

2º – Buda

  • Atravesse a Ponte das Correntes rumo à Buda. Pegue o funicular que sai da praça Clark Ádám ter.
  • No bairro histórico do Castelo Real de Buda, conheça a cidadela, onde estão a Igreja Mathias e o Bastião dos Pescadores. Dali tem-se vistas incríveis do Danúbio.
  • Depois de uma manhã agradável em Buda, volte para Peste e passe uma tarde relaxante nas Termas Széchenyi, de estilo romano. É perfeito para relaxar e guardar na memória as lembranças de Budapeste.

Onde comer em Budapeste

A gastronomia é um dos pontos altos de Budapeste. Abaixo, veja três indicações de restaurantes imperdíveis:

  • Onyx
  • Gundel 
  • New York

Onyx

Referência em alta gastronomia, o Onyx serve algumas das receitas mais conceituadas da capital da Hungria. Vale a pena provar pratos como o coelho marinado com vinagrete balsâmico e experimentar o famoso vinho Tokaji Aszú.

Gundel 

Especializado em pratos típicos, como goulash, o Gundel recebe os visitantes em um belo ambiente clássico com pinturas e pratos de porcelana. O empreendimento também serve deliciosos peixes.

New York

O charmoso café New York transporta o público para a Budapeste de antigamente. Lustres enormes, teto talhado e colunas marcantes são alguns dos elementos de chamam atenção no ambiente.

Onde ficar em Budapeste

É possível encontrar boas opções de hotéis tanto na antiga região de Buda como em Peste, sobretudo nos arredores do Parlamento Húngaro e da Váci utca (Distrito V). Ali, você estará perto dos principais pontos turísticos da cidade.

Para quem gosta de se jogar na balada, o Distrito VII desponta como boa opção. Já quem quiser economizar pode ficar no Distrito VI. Ele fica um pouco mais distante das principais atrações de Budapeste, mas conta uma boa malha de transporte público, o que facilita chegar nos lugares.

Tenho três boas dicas de hotéis em Budapeste. São eles:

Hilton Budapest

Reprodução
O que fazer em Budapeste
Hilton Budapest

Próximo à Igreja de Matias, o Hilton Budepest foi construído no prédio de um antigo convento. Além de mesclar aspectos modernos a ruínas antigas, o local oferece acomodações com vista para o Danúbio e o Parlamento.

Ver preços e avaliações

easyHotel Budapest Oktogon

Reprodução
O que fazer em Budapeste
easyHotel Budapest Oktogon

Indicado para quem busca um local sem luxo, mas confortável, o easyHotel Budapest Oktogon costuma ter tarifas acessíveis. Bem localizado, o empreendimento oferece fácil acesso ao metrô.

Ver preços e avaliações

Corinthia Budapest

Reprodução
O que fazer em Budapeste
Corinthia Budapest

Baseado em um luxuoso prédio dos anos 1800, o Corinthia Budapest fica próximo aos principais pontos turísticos da cidade. O complexo tem spa, restaurantes e bares.

Ver preços e avaliações

Outros hotéis em Budapeste

Outros hotéis que vale a pena considerar em Budapeste por conta da boa relação custo-benefício são:

Para quem não abre mão de luxo, recomendo as duas opções abaixo:

O que você precisa saber antes de ir a Budapeste

O que fazer em Budapeste
Vale a pena se planejar com antecedência para ir a Budapeste

Quando planejo minhas viagens para Budapeste ou outros destinos da Europa, recorro a uma série de ferramentas de auxílio antes mesmo de fazer as malas. Assim, consigo comprar passagens aéreas mais baratas, alugar carros e reservar hotéis, bem como passeios, transfers e ingressos para atrações, com mais segurança e pagando menos.

É imprescindível também fazer um seguro viagem e comprar um chip de viagem internacional. Assim, você evita os gastos absurdos cobrados com saúde no país, caso algo fuja do previsto, e consegue usar internet ou telefone para se comunicar com quem está no Brasil, checar e-mails, postar fotos no Instagram, usar o WhatsApp e tudo mais.

Já fez a reserva da passagem aérea?

Para não ficar perdendo tempo entrando em um monte de site de companhia aérea, uso a plataforma Vai de Promo na hora de comprar passagens. Gosto dela pelo fato de indicar as principais rotas disponíveis e listar, de forma automática, os melhores preços.

Onde ver preços: Vai de Promo

Sabe onde ficará hospedado?

Uma boa dica para encontrar hotéis e consultar avaliações de quem já foi é usar o Booking.com. O site tem sempre boas ofertas e permite fazer reservas de forma prática e rápida. Eu indico, sobretudo, hotéis, pousadas e casas de aluguel que permitem pagamento apenas na chegada ao destino.

Onde ver preços e avaliações: Booking.com

Já garantiu o seguro viagem?

Indico de longe o Seguros Promo, porque ele vasculha as principais seguradoras de viagem em busca dos melhores preços, sem que você precise ficar entrando no site de cada uma delas. Assim, dá para economizar e ainda ganhar um tempão. Depois de fazer sua escolha, use o cupom ROTADEFERIAS15 na caixa “Cupom de desconto” e ganhe 15% de desconto.

Onde consultar: Seguros Promo

Pediu o chip viagem para usar internet ilimitada?

Jamais deixo de adquirir um chip viagem internacional, que permite acesso à internet durante o passeio. O custo proporcional à viagem é superbaixo, e o serviço, ótimo. Testei  várias opções e gosto mais da America Chip, que tem ótimo atendimento e nunca me deixou na mão.

Onde pedir: America Chip

Vai alugar carro? Reserve com antecedência

Uma das escolhas mais difíceis na hora de viajar é identificar o meio de transporte que usará no destino. Se a ideia é alugar carro, a dica é sempre fazer reserva com antecedência. Sugiro o comparador online da Mobility que, com uma única pesquisa, exibe os melhores valores de locadoras confiáveis. Vale a pena.

Onde reservar: Mobility

Reservou os ingressos das atrações?

Não tem nada mais frustrante do que viajar e não conseguir entrar numa atração por falta de reserva. Por isso, ao definir nossos roteiros, garanto tudo com antecedência. Existem ótimos serviços, como o Civitatis, que oferecem não apenas tíquetes de pontos turísticos, mas também de eventos, parques temáticos e até mesmo transfers.

Onde reservar: Civitatis

LEIA TAMBÉM:

 





planeje sua viagem PLANEJE SUA VIAGEM

Chip viagem

Chip viagem

Acesse internet e telefone de qualquer lugar do mundo

Confira aqui

AMERICA CHIP

Seguro viagem

Seguro viagem

Pesquise várias seguradoras de uma vez e ganhe desconto de 15%

Contrate aqui

SEGUROS PROMO

Passagens aéreas

Passagens aéreas

Os melhores preços para viajar no Brasil e no mundo

Compre aqui

VAI DE PROMO

Reserva de hotéis

Reserva de hotéis

Encontre a melhor opção de hospedagem para você

Reserve aqui

BOOKING

informativo img
Informativo

Cadastre-se e receba com exclusividade nossos conteúdos.