Tags

O ponto de partida do seu roteiro de viagem.

Notícias

O que fazer em Melbourne, Austrália – 15 atrações e dicas

O que fazer em Melbourne, Austrália – 15 atrações e dicas
Crédito: Paulo Basso Jr.

Notícias


24 janeiro, 2024
POR: Paulo Basso Jr.


Há muito o que fazer em Melbourne, a segunda cidade mais importante da Austrália, atrás apenas de Sydney, que fica a apenas 1h15 de avião de lá. Não à toa, a região figura rotineiramente na lista dos melhores lugares do mundo para viver.

Frenética – apesar de manter vivas antigas tradições, como bondinhos circulando pelas ruas –, Melbourne convida o viajante a curtir experiências exclusivas relacionadas a moda, design, esportes e cultura.

Enquanto Sydney é mais a cara do Rio de Janeiro, por exemplo, Melbourne lembra São Paulo na essência, embora todas essas cidades sejam bem diferentes na forma. A começar pelo quesito segurança, no qual a Austrália dá de dez a zero.

Melhor do que imaginar tudo isso, porém, é ver de perto, e foi isso que fiz durante uma inesquecível viagem pelo país. Neste post, vou listar as principais atrações de Melbourne e dar dicas essenciais na hora de montar um roteiro na cidade.

Dividi tudo em tópicos, para facilitar sua pesquisa. Assim, caso prefira ir direto a algum ponto específico, basta selecionar os links do índice abaixo.

Planeje-se – Hotéis em oferta em Melbourne.

O que fazer em Melbourne

O que fazer em Melbourne, Austrália – 15 atrações e dicas
As laneways, vielas grafitadas de Melbourne, são muito famosas

Um dos destaques de Melbourne é a arquitetura, que mescla pontes modernas, como a Webb Bridge, em Docklands, a singelas marinas, grandes espigões, uma enormidade de parques e edificações clássicos.

Um bom exemplo é o Shrine of Remembrance, monumento erguido em homenagem aos mortos na Primeira Guerra Mundial. Isso sem contar a lindíssima biblioteca State Library of Victoria e a Federation Square, coração pulsante da cidade.

Quem também figura entre os pontos turísticos de Melbourne são as laneways, vielas que reúnem desde lojas de grife até murais espetaculares. Entre elas estão a Flinders Lane e a AC/DC Lane, ambas incríveis.

Com tempo, vale a pena visitar também a Hardware Lane e a Hosier Lane. Melhor ainda é fazer um passeio turístico que explora o melhor das vielas da cidade australiana. Acredite: vale a pena. Eu fiz e adorei.

A partir daí, é hora de curtir outras paragens, como Southbank e Dockland. Em dois ou três dias dá para ver tudo isso, mas se puder ficar mais, não hesite: Melbourne merece.

Reserve também algum tempo para passear pelos arredores. O tour pela Great Ocean Road rumo aos Doze Apóstolos e a Bells Beach, por exemplo, é imperdível. Em Phillip Island, por sua vez, dá para avistar pinguins.

Aqui estão as principais atrações de Melbourne:

  1. Federation Square
  2. Flinders Lane
  3. AC/DC Lane
  4. State Library of Victoria
  5. Royal Botanic Gardens Victoria
  6. Shrine of Remembrance
  7. Melbourne Skydeck
  8. Southbank
  9. Docklands
  10. South Yarra e Prahran
  11. St. Kilda e Brighton Beach
  12. Yarra Valley
  13. Daylesford
  14. Phillip Island
  15. Great Ocean Road – Doze Apóstolos e Bells Beach

E aí, pronto para conhecer tudo isso?

Já comprou seguro viagem? Use o cupom ROTADEFERIAS15 para ganhar 15% de desconto.

Onde fica Melbourne

Situada na costa sudeste da Austrália, Melbourne é a capital e maior cidade do estado de Victoria. Localizada às margens da Baía de Port Phillip, ela fica a quase 900 km de Sydney, a cidade mais turística do país.

Como chegar a Melbourne

Não existem voos diretos de cidades brasileiras para Melbourne. Para viajar com apenas uma parada, é preciso fazer conexão no Catar ou em Dubai.

Com duas paradas (mas com tempo de voo até possivelmente menor do que via Oriente Médio), dá para ir com companhias aéreas americanas ou, ainda, seguir até Santiago, no Chile, e fazer uma segunda conexão em Sydney antes de chegar a Melbourne.

Para pesquisar as melhores rotas e passagens para a Austrália, minha dica é usar a plataforma da Vai de Promo. Isso porque eles têm um metabuscador que vasculha diversas companhias de uma vez e indica as que estão com melhores valores na data de sua viagem, pela ordem.

De quebra, ainda dá para fazer o pagamento em 10 vezes e fechar com eles mesmo o seguro viagem.

Para ir do aeroporto de Tullaramine para o Centro de Melbourne, aconselho pegar o Skybus, ônibus do tipo executivo que faz o trajeto até a estação de Southern Cross. Caso precise ir para outras regiões, o melhor é usar motoristas de aplicativo.

Quando ir a Melbourne

visionsofvictoria.com
O que fazer em Melbourne, Austrália – 15 atrações e dicas
Surfista em Bells Beach, na Austrália

Nas baixas temporadas, como a primavera e o outono, Melbourne tem uma temperatura amena, que agrada bastante os brasileiros. Eu gosto também do verão, pois os dias são mais longos, mas é comum que alguns preços fiquem mais caros. A época também é boa para quem vai pegar onda nos arredores, como em Bells Beach.

No inverno, por sua vez, há muitos festivais, mas a temperatura cai bastante. Não inviabiliza os passeios, mas é bom estar preparado para ventos fortes.

Transporte em Melbourne

Prepare-se para andar bastante em Melbourne. É caminhando que você explora as principais atrações do Centro e arredores. Para ir um pouco mais longe, a dica é pegar os bondes ou motoristas de aplicativos.

Não recomendo alugar carro para rodar na cidade australiana, mas caso queira visitar os arredores sem contratar passeios, cheque os valores na plataforma da Mobility. Ela compara diversas locadoras que atuam na região e costuma oferecer ótimos preços.

Visto para a Austrália

O que fazer em Melbourne, Austrália – 15 atrações e dicas
Melbourne: é preciso de visto para ir à Austrália

Brasileiros precisam de visto para entrar na Austrália. Por sorte, o processo é bastante simples e pode ser feito pela internet. Para isso, entre na página de visto de turismo australiano, preencha o formulário online e siga os procedimentos indicados, inclusive em relação ao pagamento da taxa.

Você também terá de abrir uma conta no site ImmiAccount, que pertence à Embaixada da Austrália no Brasil. É a partir dele que você gerenciará o requerimento do visto.

A resposta é enviada por e-mail e pode demorar até 10 dias para chegar.

Seguro viagem Austrália

Ao viajar para Sydney, não deixe de fazer um seguro viagem. Afinal, os custos com saúde fora do Brasil costumam ser caríssimos e todos estão sujeitos a imprevistos.

Minha sugestão é entrar neste comparador online, que vasculha as principais seguradoras de viagem em busca dos melhores preços, sem que você precise ficar entrando no site de cada uma delas. É uma mão na roda, eu não viajo sem fazer isso.

O grande lance é que você economiza e ainda ganha um tempão na hora de fechar o seguro viagem. Depois de fazer sua escolha, use o cupom ROTADEFERIAS15 na caixa “Cupom de desconto” e ganhe 15% de desconto.

Chip de internet Austrália

Confesso: não consigo viajar mais sem um chip de internet. Ficar conectado é imprescindível por vários aspectos: comunicação, segurança e praticidade. Nunca se sabe quando você precisará falar com alguém, consultar algum endereço, resolver algum problema ou garantir alguma reserva.

Existem várias opções no mercado, mas o serviço que eu mais gosto são os chips de internet da America Chip. Primeiro porque ambos funcionam bem na maioria dos lugares (em todo o mundo), e segundo porque o atendimento é ótimo. Eles têm até chips virtuais (eSim), o que facilita muito a vida na hora de instalar no telefone e usar. É realmente prático.

Não se esqueça de consultar os preços e contratar seu pacote antes de viajar. Negociei com eles, inclusive, um desconto de 10%. Basta usar o cupom ROTADEFERIAS para garantir o seu.

15 atrações em Melbourne

Confira detalhes sobre os pontos turísticos de Melbourne que não podem ficar de fora do seu roteiro pela cidade australiana.

1 – Federation Square

Paulo Basso Jr.
O que fazer em Melbourne, Austrália – 15 atrações e dicas
A Federation Square é a praça mais famosa da cidade

A Federation Square é a maior praça de Melbourne. Ali, a fachada do maior museu da cidade, o Australian Centre for the Moving Image (ACMI), se contorce diante de uma estação clássica de trens, chamada Flinders Station, e da imponente St. Paul’s Cathedral.

Vale a pena fazer como os australianos e passar um tempo por lá, visitando as atrações ou mesmo ficando de bobeira, para curtir o movimento. Dali, você alcança fácil algumas das principais laneways de Melbourne, mas darei outros detalhes a respeito delas logo mais.

Veja como fazer um tour gratuito pelos pontos turísticos de Melbourne.

2 – Flinders Lane

Paulo Basso Jr.
O que fazer em Melbourne, Austrália – 15 atrações e dicas
A joalheria e.g.etal, na Flinders Lane, em Melbourne

É nas cercarias da Federation Square que ficam as principais laneways de Melbourne, vielas que têm vários atrativos turísticos. É o caso da Flinders Lane, repleta de lojas de roupas e sapatos dos principais fashionistas australianos, a exemplo de e.g.etal, Alpha60 e Tiffany Treloar.

Há ainda uma série de galerias de arte e artesanato no pedaço. A Craft e a Arc One Gallery, por exemplo, valem a visita.

3 – AC/DC Lane

Paulo Basso Jr.
O que fazer em Melbourne, Austrália – 15 atrações e dicas
Viela AC/DC, homenagem à banda de rock australiana

Algumas laneways de Melbourne atraem turistas do mundo todo por conta dos belíssimos grafites que exibem. Uma delas foi batizada de AC/DC Lane em homenagem à famosa banda de rock australiana. Vale a pena passar por lá e fazer fotos.

4 – State Library of Victoria

Paulo Basso Jr.
O que fazer em Melbourne, Austrália – 15 atrações e dicas
A linda biblioteca State Library of Victoria

A State Library of Victoria é a maior biblioteca da Austrália. Vale a pena entrar no prédio e ver a magnitude do La Trobe Reading Room, um salão octogonal repleto de mesas para leitura. O melhor de tudo é que a visita é gratuita.

5 – Royal Botanic Gardens Victoria

O que fazer em Melbourne, Austrália ~ 15 atrações e dicas
Royal Botanic Gardens Victoria

Do outro lado do Rio Yara, mas ainda na região central, está o Royal Botanic Gardens Victoria, o Jardim Botânico de Melbourne. Este é o principal coração verde do pedaço, com diversas atrações, como lagos, fontes e edificações históricas, a exemplo do Palácio do Governo.

Nas cercarias do Royal Botanic Gardens Victoria estão ainda museus e um dos principais monumentos de Melbourne: o Shrine of Remembrance.

6 – Shrine of Remembrance

O que fazer em Melbourne, Austrália ~ 15 atrações e dicas
Shrine of Remembrance

O Shrine of Remembrance (Santuário da Lembrança) tem inspiração na Grécia Antiga e foi erguido em memória aos soldados australianos e neozelandeses, conhecidos como Anzac, que deram a vida nas frentes de batalha da Primeira Guerra Mundial.

Todos os anos, milhares de turistas visitam o monumento para lembrar a falta de senso das guerras e prestar homenagem aos combatentes. Duas ocasiões são especiais: 25 de abril, que marca o Dia do Anzac, e 11 de novembro. o Dia da Lembrança, que é celebrado em diversos países de língua inglesa.

7 – Melbourne Skydeck

Paulo Basso Jr.
O que fazer em Melbourne, Austrália ~ 15 atrações e dicas
Vista do Melbourne Skydeck

O Melbourne Skydeck é um observatório que fica no 88º andar da Eureka Tower, a maior entre as edificações envidraçadas que formam o belo skyline da cidade australiana.

Dali de cima é possível ver bem o quanto Melbourne se projeta à beira-mar até envolver o Rio Yarra, formando uma linda paisagem, repleta de áreas verdes.

Por se tratar de uma das principais atrações locais, minha dica é comprar ingresso com antecedência. Dá para fazer isso online, inclusive, no site da Civitatis.

Os mais corajosos podem adquirir o tíquete especial que permite encarar a experiência no mirante The Edge, uma construção cúbica que sobressai do edifício. Ali dá para fazer fotos ótimas.

8 – Southbank

Paulo Basso Jr.
O que fazer em Melbourne, Austrália – 15 atrações e dicas
O moderninho Southbank, em Melbourne

De volta ao chão, é hora de andar pelo calçadão à beira do rio na região de Southbank, onde há uma série de cassinos, bem como restaurantes e bares agradáveis.

Moderno e agradável, o local é perfeito para curtir sem pressa, observando o visual e parando aqui e ali nos bancos que dão vista para a região. Ali você descobre fácil porque Melbourne tem uma das melhores qualidades de vida do mundo.

9 – Docklands

O que fazer em Melbourne, Austrália ~ 15 atrações e dicas
Webb Bridge, em Docklands

O mesmo se dá em Docklands, uma área revitalizada com shoppings, a linda Webb Bridge e até uma roda-gigante à la London Eye, a Melbourne Star.

Uma boa dica é visitar a região no fim da tarde, para curtir o movimento. Se der, vá à roda-gigante durante o pôr do sol. É lindo.

10 – South Yarra e Prahran

Paulo Basso Jr.
O que fazer em Melbourne, Austrália – 15 atrações e dicas
Restaurante oriental em Prahran, Melbourne

É preciso fugir dos pontos turísticos tradicionais para se encantar com Melbourne para valer. E aí, a dica é se perder sem destino por bairros como South Yarra e Prahran.

Vale dizer que ambos são repletos de butiques, galerias de arte, restaurantes, cafés, rooftops (bares em coberturas) e adegas que só os locais frequentam. Vale a pena ir até lá para curtir a vida noturna de Melbourne.

11 – St. Kilda e Brighton Beach

O que fazer em Melbourne, Austrália ~ 15 atrações e dicas
Brighton Beach

Há ainda a região de St. Kilda, onde está a praia mais frequentada da cidade e também o Attica, um dos melhores restaurantes da Austrália. Com cozinha contemporânea, a casa tem uma atmosfera clean e moderna. É a cara de Melbourne

Para quem gosta de praia, mais ao sul está Brighton Beach. O grande barato do local são as casinhas coloridas que dão um charme especial à faixa de areia. Muita gente vai até lá porque o visual é bem instagramável.

12 – Yarra Valley

visionsofvictoria.com
O que fazer em Melbourne, Austrália – 15 atrações e dicas
Vinícola em Yarra Valley

Mais do que ser uma cidade vibrante, Melbourne serve de base para visitar uma série de maravilhas da costa sul da Austrália. Mesmo porque em seus arredores estão algumas das melhores regiões vinícolas da Austrália, entre elas Yarra Valley.

Com parreiras esparramadas por colinas verdes, o lugar abriga vinícolas como a Domaine Chandon, onde é possível fazer degustações e almoçar com sofisticação. Caso não queira ir por conta, o que pode ser um pouco complicado, contrate este tour, que passa pelas principais adegas da região e é um passeio bem legal.

13 – Daylesford

O que fazer em Melbourne, Austrália ~ 15 atrações e dicas
Cangurus em Daylesford

Um pouco mais afastada de Melbourne do que Yarra Valley, Daylesford é outra região do estado de Victoria que atrai quem gosta de vinho. O local abriga algumas das melhores vinícolas da Austrália e também o Hepburn Bathhouse & Spa, palco de deliciosas piscinas termais.

De quebra, quem vai até lá costuma ver cangurus nos campos verdes que se espalham pela região.

14 – Phillip Island

visionsofvictoria.com
O que fazer em Melbourne, Austrália – 15 atrações e dicas
Pinguins em Phillip Island

Ao sul de Melbourne, os amantes da natureza encontram outro destino fantástico, chamado Phillip Island, onde dá para se aproximar de focas e simpáticos pinguins. Trata-se de uns dos passeios mais buscados por quem vai até essa parte da Austrália.

Diversas agências organizam excursões desde Melbourne até a região. O passeio dura o dia todo e ainda inclui a possibilidade de ver cangurus e coalas. Aqui, você confere detalhes e valores.

15 – Great Ocean Road – Doze Apóstolos e Bells Beach

visionsofvictoria.com
O que fazer em Melbourne, Austrália – 15 atrações e dicas
Doze Apóstolos, principal atração da Great Ocean Drive

O passeio mais procurado nos arredores de Melbourne, sem sombra de dúvidas, é o da Great Ocean Road, estrada que se descortina à beira-mar, passando por praias belíssimas até chegar aos Doze Apóstolos, grandes pedras que parecem imergir do mar em frente a grandes falésias.

O roteiro de carro é lindo e, obrigatoriamente, deve incluir uma parada na cênica Bells Beach, onde fica o Australian National Surfing Museum. Ali, o brasileiro Gabriel Medina é praticamente um deus, assim como o ídolo local Mick Fanning, que vira e mexe dá as caras por lá.

Veja aqui informações e valores do tour pela Great Ocean Road.

Onde comer em Melbourne

Paulo Basso Jr.
O que fazer em Melbourne, Austrália ~ 15 atrações e dicas
Gastronomia em Melbourne tem referências de todo o mundo

Confira alguns dos melhores restaurantes de Melbourne:

CUMULUS INC.

Situado na região da Flinders Lane, este café/bar/restaurante é perfeito para tomar uma cerveja ou mesmo fazer uma refeição completa.

Chin Chin

Este moderno restaurante asiático na Flinders Lane tem um cardápio refinado e delicioso. O foco principal é na cozinha tailandesa, mas há algumas influências vietnamitas.

MoVida Bar de Tapas

Como o nome do restaurante entrega, a brincadeira por aqui é provar tapas de diversas regiões da Espanha. Os pratos principais aparecem apenas no quadro de especiais, mas quase sempre incluem uma versão de paella.

Eau De Vie

Íntimo, com pouca luz, jazz como som ambiente e bem servido com tapas e porções como barriga de porco confitada, o Eau De Vie é um a maravilha. Dá para passar por lá apenas para provar os coquetéis, também, que são ótimos.

Onde ficar em Melbourne

Os melhores lugares para ficar em Melbourne são a região central, no entorno da Federation Square, onde há muitas atrações para serem visitadas a pé, e as áreas modernas de Southbank e Docklands.

Eu também gostei bastante de me hospedar em Prahran, porque o bairro é bem descolado e, por ficar um pouco mais afastado do burburinho (mas não muito), costuma ter preços mais atraentes.

Em todos esses locais há opções de hotéis para todos os bolsos, cujos preços e avaliações podem ser consultados aqui. Vou deixar aqui minhas sugestões.

Adelphi

Reprodução
O que fazer em Melbourne, Austrália ~ 15 atrações e dicas
Adelphi

Moderninho, com quartos coloridos e um restaurante que serve ótimas sobremesas, este hotel tem a vantagem de ficar entre a Federation Square e a Flinders Lane, bem no centro da cidade.

Veja preços e avaliações

The Cullen

Reprodução
O que fazer em Melbourne, Austrália ~ 15 atrações e dicas
The Cullen

Localizado em Prahran, um dos bairros mais cool de Melbourne, este hotel tem quartos amplos e é todo enfeitado com obras de artistas contemporâneos da Austrália. De quebra, oferece bikes de aluguel para quem deseja curtir a região.

Outra vantagem é que os quartos conta com uma pequena cozinha, o que favorece muito quem viaja em família ou deseja economizar em algumas refeições, como o café da manhã.

Veja preços e avaliações

Oakwood Premier Melbourne

Reprodução
O que fazer em Melbourne, Austrália ~ 15 atrações e dicas
Oakwood Premier Melbourne

Este hotel fica em Southbank, oferece lindas vistas da região e tem um custo-benefício fantástico, já que oferece serviços em alto nível e, apesar de não ser baratinho, não destoa de opções piores na vizinhança.

Veja preços e avaliações

Outros hotéis em Melbourne

Veja outras opções de hospedagem que valem a consulta quando pesquisar onde ficar em Melbourne.

O que você precisa saber antes de ir a Melbourne

Paulo Basso Jr.
O que fazer em Melbourne, Austrália – 15 atrações e dicas
Andar de bonde é uma boa em Melbourne

Quando planejo minhas viagens para destinos como Melbourne, recorro a uma série de ferramentas de auxílio antes mesmo de fazer as malas. Assim, consigo comprar passagens aéreas mais baratas, alugar carros e reservar hotéis, bem como passeios, transfers e ingressos para atrações, com mais segurança e pagando menos.

É imprescindível também fazer um seguro viagem e comprar um chip de internet. Assim, você evita os gastos absurdos cobrados com saúde no país, caso algo fuja do previsto, e consegue usar internet ou telefone para se comunicar com quem está no Brasil, checar e-mails, postar fotos no Instagram, usar o WhatsApp e tudo mais.

Já fez a reserva da passagem aérea?

Para não ficar perdendo tempo entrando em um monte de site de companhia aérea, uso a plataforma Vai de Promo na hora de comprar passagens. Gosto dela pelo fato de indicar as principais rotas disponíveis e listar, de forma automática, os melhores preços.

Onde ver preços: Vai de Promo

Sabe onde ficará hospedado?

Uma boa dica para encontrar hotéis e consultar avaliações de quem já foi é usar o Booking.com. O site tem sempre boas ofertas e permite fazer reservas de forma prática e rápida. Eu indico, sobretudo, hotéis, pousadas e casas de aluguel que permitem pagamento apenas na chegada ao destino.

Onde ver preços e avaliações: Booking.com

Já garantiu o seguro viagem?

Indico de longe a plataforma da Seguros Promo, um metabuscador que vasculha as principais seguradoras de viagem do Brasil em busca dos melhores preços, sem que você precise ficar entrando no site de cada uma delas. Assim, dá para economizar e ainda ganhar um tempão. Use o cupom abaixo para garantir descontos.

Onde consultar: Seguros Promo (cupom ROTADEFERIAS15 para 15% de desconto)

Pediu o chip viagem para usar internet ilimitada?

Jamais deixo de adquirir um chip viagem internacional, que permite acesso à internet durante o passeio. O custo proporcional à viagem é superbaixo, e o serviço, ótimo. Testei várias opções e costumo usar os chips da America Chip ou da Seguros Promo, que têm ótimo atendimento e nunca me deixam na mão. Ambos, inclusive, têm planos de eSim.

Onde pedir: America Chip (cupom ROTADEFERIAS para 10% de desconto) e Seguros Promo (cupom ROTADEFERIAS15 para 15% de desconto).

Vai alugar carro? Reserve com antecedência

Uma das escolhas mais difíceis na hora de viajar é identificar o meio de transporte que usará no destino. Se a ideia é alugar carro, a dica é sempre fazer reserva com antecedência. Sugiro o comparador online da Mobility que, com uma única pesquisa, exibe os melhores valores de locadoras confiáveis. Vale a pena.

Onde reservar: Mobility

Reservou os ingressos das atrações?

Não tem nada mais frustrante do que viajar e não conseguir entrar numa atração por falta de reserva. Por isso, ao definir nossos roteiros, garanto tudo com antecedência. Existem ótimos serviços, como GetYourGuide e Civitatis, que oferecem não apenas tíquetes de pontos turísticos, mas também de eventos, parques temáticos e até mesmo transfers.

Onde reservar: GetYourGuide e Civitatis

LEIA TAMBÉM:





planeje sua viagem PLANEJE SUA VIAGEM

Chip viagem

Chip viagem

Acesse internet e telefone de qualquer lugar do mundo

Confira aqui

AMERICA CHIP

Seguro viagem

Seguro viagem

Pesquise várias seguradoras de uma vez e ganhe desconto de 15%

Contrate aqui

SEGUROS PROMO

Passagens aéreas

Passagens aéreas

Os melhores preços para viajar no Brasil e no mundo

Compre aqui

VAI DE PROMO

Reserva de hotéis

Reserva de hotéis

Encontre a melhor opção de hospedagem para você

Reserve aqui

BOOKING

informativo img
Informativo

Cadastre-se e receba com exclusividade nossos conteúdos.