Tags

O ponto de partida do seu roteiro de viagem.

Hotéis

O que fazer em Bariloche – 15 atrações imperdíveis

O que fazer em Bariloche – 15 atrações imperdíveis
Crédito: DepositPhotos


Há muito o que fazer em Bariloche, na Argentina, durante todo o ano. Apesar de ser muito conhecida pela temporada de inverno com neve, a cidade conta com atrações que encantam turistas do mundo inteiro em qualquer estação.

Nos meses mais frios, dá para praticar esportes de neve e curtir as paisagens com um visual branquinho inesquecível. Já na época mais quente do ano, Bariloche ganha uma atmosfera vibrante, com praias e inúmeras opções de atividades na água e ao ar livre.

A dica para planejar um bom roteiro é descobrir quais pontos turísticos de Bariloche combinam mais com os seus objetivos. Caso tenha tempo de sobra, vale a pena aproveitar a ida à Argentina para passar alguns dias em Buenos Aires.

Neste post, vou falar sobre as principais atrações de Bariloche e dar várias dicas que vão te ajudar a evitar erros na hora de organizar a viagem.

O que fazer em Bariloche

O que fazer em Bariloche – 15 atrações imperdíveis
Vista panorâmica em Bariloche

O famoso Circuito Chico, um dos passeios mais tradicionais de Bariloche, concentra alguns dos cenários naturais mais bonitos da América do Sul. Os turistas também adoram conhecer as montanhas da região, a exemplo dos Cerros Catedral, Otto, López e Tronador.

Além das estações de esqui e das paisagens, a cidade é conhecida pela excelente gastronomia. É possível comer muito bem e ainda conhecer fábricas de empresas como Havanna e Cervejaria Patagonia.

Como há muito o que fazer em Bariloche, separei uma lista de atrações imperdíveis:

  1. Circuito Chico
  2. Centro Cívico
  3. Cerro Catedral
  4. Cerro Tronador
  5. Cerro Otto
  6. Cerro López
  7. Cerro Campanário
  8. Cervejaria Patagonia
  9. Havanna e Museu do Chocolate
  10. Villa Traful
  11. Villa La Angostura
  12. Ilha Victoria e Bosque de Arrayanes
  13. Piedras Blancas
  14. Passeios noturnos
  15. Atividades ao ar livre no verão

Aperte os cintos e prepare-se para conhecer tudo sobre Bariloche!

Onde fica Bariloche

San Carlos de Bariloche, conhecida popularmente apenas como Bariloche, fica no sul da Argentina. O destino está localizado na província de Río Negro, que faz parte da belíssima Patagônia.

A cidade é cercada por montanhas e banhada pelo lago Nahuel Huapi. As águas de origem glacial se estendem por 550 quilômetros quadrados (o equivalente a mais de duas vezes a área de Buenos Aires) e alcançam mais de 400 metros de profundidade.

Veja aqui os preços dos voos para Bariloche em diversas companhias de uma só vez.

15 atrações em Bariloche

Confira os detalhes das principais atrações de Bariloche.

1. Circuito Chico

O que fazer em Bariloche – 15 atrações imperdíveis
Vista de um dos mirantes do Circuito Chico

O Circuito Chico é o passeio mais tradicional de Bariloche. Ele começa no obelisco do marco-zero, na Avenida Bustillo, e percorre um caminho de 65 km, contornando as margens do Nahuel Huapi e passando por lagos e praias.

Ao longo do tour panorâmico, é possível parar em mirantes – o Punto Panorámico é o mais famoso -, conhecer o bosque Llao Llao, ver o luxuoso Hotel Llao Llao, primeiro empreendimento de hospedagem da região, e visitar locais como Cerro Campanário, Cervejaria Patagonia e Paróquia San Eduardo.

2. Centro Cívico

O que fazer em Bariloche – 15 atrações imperdíveis
Centro Cívico

O Centro Cívico é uma das áreas mais charmosas de Bariloche. A praça principal conta com belas construções em pedra e madeira, incluindo o Museu da Patagônia, e vista para o lago e as montanhas.

O local fica a poucos passos de distância da Mitre, principal rua comercial da cidade. É ali que os viajantes encontram as famosas lojas de chocolates Rapanuí e Mamuschka, bem como o shopping Galería del Sol.

É possível encontrar opções de tours gratuitos que exploram a história e os pontos turísticos do Centro Cívico de Bariloche.

3. Cerro Catedral

O que fazer em Bariloche – 15 atrações imperdíveis
Pista do Cerro Catedral

O Cerro Catedral é o maior centro de esqui da América do Sul, com 29 meios de elevação e mais de 60 pistas para esportes de inverno. Boa parte dos turistas que visitam o complexo aproveita para fazer aulas de esqui ou trilhas.

A estação de esqui fica aberta durante todo o ano e conta com várias atrações em sua base, incluindo restaurantes, lojinhas e até cervejarias. Para quem não está com carro, os transfers e os remis (táxis com preços fixos, fechados no momento do embarque) são ótimas pedidas para ir ao local.

4. Cerro Tronador

O que fazer em Bariloche – 15 atrações imperdíveis
Cerro Tronador

O passeio ao vulcão Cerro Tronador, que fica quase na fronteira com o Chile, dentro do Parque Nacional Nahuel Huapi, também é incrível. Para chegar, os viajantes percorrem uma estrada paralela aos lagos Gutiérrez e Mascardi, com vistas para as Cordilheiras dos Andes.

Durante o tour, é possível avistar a Ilha Piuke, que tem formato de coração, e visitar Pampa Linda, onde o viajante encontra bons restaurantes aos pés das montanhas. Depois, a galera segue para as trilhas e mirantes do Cerro Tronador, que permitem ver atrações como o glaciar Ventisquero Negro.

5. Cerro Otto

O que fazer em Bariloche – 15 atrações imperdíveis
Vista do Cerro Otto

A apenas 10 quilômetros de distância do centro de Bariloche, o Cerro Otto é outro ponto turístico que merece entrar para o roteiro. O local é lar da única confeitaria giratória do país.

As vistas são o ponto alto o Cerro Otto. Dali, é possível contemplar o lago Nahuel Huapi os montes Leones e Viilegas e até a cidade. Além disso, o complexo oferece atrações que vão de esqui alpino a trilhas e mountain bike.

6. Cerro López

O que fazer em Bariloche – 15 atrações imperdíveis
Vista do Cerro López

As trilhas figuram entre as principais atrações do Cerro López, a 25 quilômetros da região central de Bariloche. O local também conta com uma divertida tirolesa.

Um dos diferenciais é que a montanha tem alguns refúgios, como o Roca Negra. É possível almoçar, jantar, descansar após as atividades e até pernoitar nesses locais.

7. Cerro Campanário

O que fazer em Bariloche – 15 atrações imperdíveis
Teleférico do Cerro Campanário

O Cerro Campanário tem uma das oito vistas mais lindas do mundo, de acordo com a National Geographic. Por isso, não deixe de subir o teleférico que leva ao topo da montanha.

O pico é lar de uma confeitaria e vários mirantes. Quando for visitá-lo vá bem agasalhado, pois venta muito.

8. Cervejaria Patagonia

Maria Beatriz Vaccari
O que fazer em Bariloche – 15 atrações imperdíveis
Cervejaria Patagonia

Situada no 24.7 km do Circuito Chico, a Cervejaria Patagonia serve bebidas exclusivas, que não podem ser encontradas nem nos mercados e em outros bares de Bariloche. Isso porque as cervejas da casa são feitas com água de degelo do lago Moreno.

Também é possível conhecer a microcervejaria e provar rótulos em “fase de teste” – que podem ou não ser envasados pela Patagonia futuramente. Caso haja disponibilidade, não vá embora sem provar a stout.

  • Endereço: Km 24,7, Circuito Chico
  • Horários de funcionamento: domingo a sexta-feira, do meio-dia à meia-noite. Sábados, do meio-dia às 20h.

9. Havanna e Museu do Chocolate

Maria Beatriz Vaccari
O que fazer em Bariloche – 15 atrações imperdíveis
Fábrica da Havanna, que também abriga o Museu do Chocolate

A fábrica da marca Havanna, conhecida principalmente pelos alfajores, fica em Bariloche, bem no início da Av. Bustillo. O local conta com café, loja e abriga o Museu do Chocolate.

O tour pelo museu explora a história do doce feito de cacau e permite ver partes da fábrica da Havanna. No final, os visitantes também provam alguns chocolates deliciosos.

  • Endereço: Av. Bustillo, 1200
  • Horário de funcionamento: diariamente, das 10 às 19h.

10. Villa Traful

O que fazer em Bariloche – 15 atrações imperdíveis
Lago Traful

O passeio à Villa Traful é outra boa opção para quem ainda não sabe o que fazer em Bariloche. O vilarejo tem um visual incrível, já que é cercado por montanhas e está localizado dentro do Parque Nacional Nahuel Huapi.

Assim como em boa parte dos pontos turísticos da região, os cenários naturais exuberantes são as principais atrações. É possível passar horas curtindo o visual e explorando os charmosos restaurantes e comércios da aldeia.

11. Villa La Angostura

O que fazer em Bariloche – 15 atrações imperdíveis
Villa La Angostura

Quase na fronteira com o Chile, Villa La Angostura abriga atrações como o Cerro Bayo. Trata-se de uma estação de esqui com várias pistas para esportes de neve.

Também vale a pena visitar a região do porto e andar pelo centrinho, que tem bons lugares para comprar artesanatos e produtos locais.

12. Ilha Victoria e Bosque de Arrayanes

O que fazer em Bariloche – 15 atrações imperdíveis
Trilha pelo Bosque de Arrayanes

O passeio de barco que percorre o lago Nahuel Huapi rumo à Ilha Victoria e Bosque de Arrayanes pode até ser um pouco cansativo, mas vale muito à pena. As rotas partem do Puerto Pañuelo, no coração da península da Llao Llao.

Na Ilha Victoria é possível conhecer mais sobre a história da região e sua fauna. O local abriga sequoias enormes e conta com vistas de tirar o fôlego. O Bosque de Arrayanes, por sua vez, tem uma trilha de escadas em meios aos arrayáns, árvores centenárias com coloração avermelhada. O local serviu de inspiração para Walt Disney criar a animação Bambi.

13. Piedras Blancas

O que fazer em Bariloche – 15 atrações imperdíveis
Piedras Blancas

A estação de esqui Piedras Blancas é um dos locais favoritos dos brasileiros que querem se divertir na neve. O complexo tem três mil metros de pistas que atendem a todos os públicos.

É possível esquiar ou se aventurar em atividades como skibunda, trenó e tirolesa. Além disso, o local conta com uma enorme pista de snow tubing.

  • Endereço: Cerro Otto, R8400
  • Horário de funcionamento: diariamente, das 9h às 17h30.

14. Passeios noturnos

Divulgação/Emprotur Bariloche
O que fazer em Bariloche – 15 atrações imperdíveis
Winter Night

Bariloche tem várias opções de passeios noturnos. Uma das grandes novidades é a Winter Night, que permite praticar esportes de inverno no Winter Park, no Cerro Otto, durante a noite.

Os viajantes também adoram a Noche Nordica, tour noturno que inclui passeio de moto na neve e jantar em um refúgio na montanha.

15. Atividades ao ar livre no verão

O que fazer em Bariloche – 15 atrações imperdíveis
Verão em Bariloche

Quando o clima esquenta em Bariloche, os viajantes esquecem da neve e aproveitam a viagem de um jeito diferente. Os cenários ficam mais coloridos e a galera se reúne para curtir as praias e as cervejarias.

Os meses mais quentes também são perfeitos para andar de barco a vela e caique no lago Nahuel Huapi. Além disso, há inúmeras opções de trilhas nas montanhas.

Como chegar a Bariloche 

O que fazer em Bariloche – 15 atrações imperdíveis
Lago Nahuel Huapi é um dos grandes símbolos de Bariloche

É possível encontrar diversos voos do Brasil para Bariloche, incluindo opções operadas por companhias aéreas low cost, como a SKY Airline.

Praticamente todas as rotas contam com paradas. As exceções são os voos diretos sazonais, que entram em operação entre julho e setembro, período de alta temporada no destino.

Uma boa dica para economizar é pesquisar passagens aéreas na Vai de Promo, que reúne trechos de diversas empresas aéreas em uma única plataforma.

Alugar um carro e pegar a estrada para Bariloche também é uma opção válida. Dá para sair de Buenos Aires e até de cidades chilenas, como Puerto Varas.

Transporte em Bariloche

O que fazer em Bariloche – 15 atrações imperdíveis
Centro Cívico de Bariloche

O transporte público de Bariloche funciona bem, mas é pouco usado pelos turistas. Normalmente, os viajantes só aproveitam o ônibus que leva ao Cerro Catedral.

Os transfers privados e os remis (táxis com preços fixos, fechados no momento do embarque) são as melhores opções para se locomover na cidade.

Para quem procura mais flexibilidade de locomoção, a dica é alugar um veículo. Recomendo comparar preços e fechar negócio com a Mobility, que réune as principais locadoras do mundo.

Quando ir a Bariloche

O que fazer em Bariloche – 15 atrações imperdíveis
Bariloche no verão

A cidade argentina é linda em qualquer época do ano. Quem quer ver neve em Bariloche deve programar o passeio durante o inverno. É importante destacar que trata-se do período mais cheio e, consequentemente, mais caro.

Uma boa opção para fugir das aglomerações e ainda pegar o finzinho da neve é ir a Bariloche em setembro, quando os preços podem ser até 20% menores que os praticados na alta temporada.

O verão, por sua vez, é a época mais indicada para os fãs de passeios ao ar livre, com praias, trilhas e atividades náuticas à disposição dos viajantes. Já no outono, a natureza local ganha tons avermelhados que criam cenários inesquecíveis.

Seguro viagem Argentina

Ao viajar, não deixe de fazer um seguro viagem. Afinal, os custos com saúde fora do Brasil costumam ser caríssimos e todos estão sujeitos a imprevistos. Caso você tenha comprado as passagens aéreas com cartão de crédito, verifique se você não tem direito a um plano de seguro viagem.

Do contrário, minha sugestão é entrar neste comparador online, que vasculha as principais seguradoras de viagem em busca dos melhores preços, sem que você precise ficar entrando no site de cada uma delas. É uma mão na roda, eu não viajo sem fazer isso.

O grande lance é que você economiza e ainda ganha um tempão na hora de fechar o seguro viagem. Depois de fazer sua escolha, use o cupom ROTADEFERIAS15 abaixo na caixa “Cupom de desconto” e ganhe 15% de desconto.

Chip viagem Argentina

Confesso: não consigo viajar mais sem um chip viagem internacional. Ficar conectado é imprescindível por vários aspectos: comunicação, segurança e praticidade. Nunca se sabe quando você precisará falar com alguém, consultar algum endereço, resolver algum problema ou garantir alguma reserva.

Existem várias opções no mercado, mas o serviço que mais me adaptei foi o da America Chip. Primeiro porque funciona bem na maioria dos lugares (em todo o mundo), e segundo porque o atendimento é ótimo. Eles têm até chips virtuais, o que facilita muito a vida na hora de instalar no telefone e usar. É realmente prático.

Não se esqueça de consultar os preços aqui e contratar seu pacote antes de viajar.

Onde comer em Bariloche

A gastronomia é um dos pontos altos de Bariloche. Além de ser conhecida pela fabricação de chocolates artesanais, a cidade abriga ótimos restaurantes especializados em culinárias variadas. Abaixo, veja cinco recomendações:

El Boliche de Alberto 

O El Boliche de Alberto é um bom lugar para comer carnes deliciosas em Bariloche. O local é muito concorrido e não aceita reservas. Por isso, a dica é chegar cedo, antes da abertura, ao meio-dia e às 20h.

La Alpina

A decoração em madeira confere um charme especial ao ambiente interno do La Alpina. O local tem várias opções no menu, mas recomendo provar o foundue, que vem como vários acompanhamentos diferentes, como salsicha alemã, azeitonas e cubos de presunto.

Manush 

A cervejaria Manush tem duas unidades em Bariloche. Além das cervejas saborosas e diferentonas (a exemplo da stout com leite), o local prepara receitas deliciosas, como goulash com spaetzle.

Jauja 

Especializado em parrilla, o Jauja também é uma boa opção para comer boas carnes na cidade. A casa tem mais de 40 anos e costuma ser indicada por moradores locais.

Família Weiss

As receitas do Família Weiss variam desde truta defumada até fondue. O local também é indicado para provar o saboroso cordeiro patagônico.

Onde ficar em Bariloche

O que fazer em Bariloche – 15 atrações imperdíveis
Outono em Bariloche

A maioria dos brasileiros que vai a Bariloche se hospeda no centro da cidade. É ali que estão as principais lojas e restaurantes da cidade.

A Avenida San Martín, que se estende rumo ao Circuito Chico e muda de nome para Avenida Bustillo, também concentra hotéis excelentes.

Para quem vai esquiar, vale a pena ficar na base do Cerro Catedral. Outro destino bom para se hospedar em Bariloche é a área de Llao Llao, onde há muitos hotéis de luxo, alguns deles com vista panorâmica.

Nossas dicas de hotéis em Bariloche são:

Hotel Nevada

Reprodução
O que fazer em Bariloche – 15 atrações imperdíveis
Hotel Nevada

O Hotel Nevada é uma boa opção para quem procura um lugar limpo e confortável no Centro Cívico de Bariloche. As acomodações são bem completas e contam com isolamento acústico.

Veja preços e avaliações

NH Bariloche Edelweiss

Reprodução
O que fazer em Bariloche – 15 atrações imperdíveis
NH Bariloche Edelweiss

A poucos quarteirões da Mitre, rua principal de Bariloche, o NH Bariloche Edelweiss oferece bom custo-benefício para quem busca uma acomodação diferenciada, mas sem exageros.

Veja preços e avaliações

Llao Llao Resort

Reprodução
O que fazer em Bariloche – 15 atrações imperdíveis
Llao Llao Resort

Referência em luxo e sofisticação, o Llao Llao Resort é o hotel mais emblemático da região. O empreendimento fica a 25 quilômetros do centro, pertinho do Puerto Pañuelo.

Veja preços e avaliações

Além deles, vale a pena considerar os hotéis em Bariloche indicados abaixo (clique nos links para ver avaliações e preços):

Luxo

Bom custo benefício

Econômicos

O que você precisa saber antes de ir a Bariloche

O que fazer em Bariloche – 15 atrações imperdíveis
Paisagem natural em Bariloche

Quando planejo minhas viagens para a Argentina, recorro a uma série de ferramentas de auxílio antes mesmo de fazer as malas. Assim, consigo comprar passagens aéreas mais baratas, alugar carros e reservar hotéis, bem como passeios, transfers e ingressos para atrações, com mais segurança e pagando menos.

É imprescindível também fazer um seguro viagem e comprar um chip de viagem internacional. Assim, você evita os gastos absurdos cobrados com saúde no país, caso algo fuja do previsto, e consegue usar internet ou telefone para se comunicar com quem está no Brasil, checar e-mails, postar fotos no Instagram, usar o WhatsApp e tudo mais.

Documentos

O Brasil tem um acordo com a maioria dos países da América do Sul, como Argentina, Chile, Paraguai, Uruguai, Colômbia, Peru e Bolívia, que dispensa a apresentação de passaporte e visto. Basta portar a carteira de identidade original para entrar nesses destinos, desde que o documento esteja em bom estado de conservação, tenha foto recente e menos de dez anos de expedição.

Vale ressaltar que apenas a carteira de identidade e o passaporte são aceitos para acesso aos países da América do Sul. Outros documentos, como CNH, carteira profissional e de trabalho, não são válidos.

Já fez a reserva da passagem aérea?

Para não ficar perdendo tempo entrando em um monte de site de companhia aérea, uso a plataforma Vai de Promo na hora de comprar passagens. Gosto dela pelo fato de indicar as principais rotas disponíveis e listar, de forma automática, os melhores preços.

Onde ver preços: Vai de Promo

Sabe onde ficará hospedado?

Uma boa dica para encontrar hotéis e consultar avaliações de quem já foi é usar o Booking.com. O site tem sempre boas ofertas e permite fazer reservas de forma prática e rápida. Eu indico, sobretudo, hotéis, pousadas e casas de aluguel que permitem pagamento apenas na chegada ao destino.

Onde ver preços e avaliações: Booking.com

Já garantiu o seguro viagem?

Indico de longe o Seguros Promo, porque ele vasculha as principais seguradoras de viagem em busca dos melhores preços, sem que você precise ficar entrando no site de cada uma delas. Assim, dá para economizar e ainda ganhar um tempão. Depois de fazer sua escolha, use o cupom ROTADEFERIAS15 na caixa “Cupom de desconto” e ganhe 15% de desconto.

Onde consultar: Seguros Promo

Pediu o chip viagem para usar internet ilimitada?

Jamais deixo de adquirir um chip viagem internacional, que permite acesso à internet durante o passeio. O custo proporcional à viagem é superbaixo, e o serviço, ótimo. Testei  várias opções e gosto mais da America Chip, que tem ótimo atendimento e nunca me deixou na mão.

Onde pedir: America Chip

Vai alugar carro? Reserve com antecedência

Uma das escolhas mais difíceis na hora de viajar é identificar o meio de transporte que usará no destino. Se a ideia é alugar carro, a dica é sempre fazer reserva com antecedência. Sugiro o comparador online da Mobility que, com uma única pesquisa, exibe os melhores valores de locadoras confiáveis. Vale a pena.

Onde reservar: Mobility

Reservou os ingressos das atrações?

Não tem nada mais frustrante do que viajar e não conseguir entrar numa atração por falta de reserva. Por isso, ao definir nossos roteiros, garanto tudo com antecedência. Existem ótimos serviços, como o Civitatis, que oferecem não apenas tíquetes de pontos turísticos, mas também de eventos, parques temáticos e até mesmo transfers.

Onde reservar: Civitatis

LEIA TAMBÉM:

 





planeje sua viagem PLANEJE SUA VIAGEM

Chip viagem

Chip viagem

Acesse internet e telefone de qualquer lugar do mundo

Confira aqui

AMERICA CHIP

Seguro viagem

Seguro viagem

Pesquise várias seguradoras de uma vez e ganhe desconto de 15%

Contrate aqui

SEGUROS PROMO

Passagens aéreas

Passagens aéreas

Os melhores preços para viajar no Brasil e no mundo

Compre aqui

VAI DE PROMO

Reserva de hotéis

Reserva de hotéis

Encontre a melhor opção de hospedagem para você

Reserve aqui

BOOKING

informativo img
Informativo

Cadastre-se e receba com exclusividade nossos conteúdos.