• Crédito: Shutterstock.com

    Machu Picchu

  • Crédito: Shutterstock.com

    Cusco

  • Crédito: Divulgação

    Hotel no Vale Sagrado

  • Crédito: Paulo Basso Jr.

    Tradições incas

3 DIAS EM CUSCO E MACHU PICCHU


SAIBA O QUE CONHECER EM MACHU PICCHU E CUSCO, E ENTREGUE-SE AOS MISTÉRIOS DA CIDADE PERDIDA DOS INCAS

1 º dia +

Mapa da sua rota

O que conhecer em Machu Picchu e Cusco

Cusco

– As opções para o que fazer em Cusco começam por um passeio pelos bares e restaurantes ao redor da Plaza de Armas. Entre nas igrejas, converse com os locais e entre no clima ad aventura peruana.

– Visite a Cidade Colonial. O Centro de Cusco pode ser visto em uma simples caminhada e concentra os pontos turísticos: Catedral; Convento de Santo Domingo; Templo do Sol (Qoricancha), Hatunrumiyoc (Palácio Arzobispal) e um muro de pedras gigantes.

– Há muitos sítios históricos nos arredores de Cusco, como Saqsaywaman e Tambomachay. Caso se interesse pelo assunto, contrate um dos muitos passeios vendidos na cidade ou siga para os locais desejados de táxi.

– Passe o começo da noite em San Blas, o bairro boêmio, repleto de lojinhas de artesanato. Se quiser cair na balada mesmo, volte para os arredores da Plaza de Arma.

* Todos os roteiros indicados foram visitados pela equipe de reportagem do Rota de Férias.
2 º dia +

Mapa da sua rota

O que conhecer em Machu Picchu e Cusco

Machu Picchu Pueblo (Vale Sagrado e Águas Calientes)

– Contrate em Cusco um tour pelo Vale Sagrado, que inclua as cidades de Pisac e Ollantaytambo – essa já é a primeira dica para o que conhecer em Machu Picchu.  A maioria dos passeios retorna para Cusco, mas deixe para trás o roteiro e salte em Ollantaytambo. Daí partem os trens para Machu Picchu Pueblo (antiga Águas Calientes), a cidade-base o local.

– É altamente recomendável comprar o bilhete do trem com antecedência. O mesmo vale para a entrada de Machu Picchu (não são vendidos ingressos na porta e você corre o risco de chegar lá e não entrar.

– Na primeira parte da viagem, conheça os campos de batata e aproveite para fazer fotos e comprinhas nos arredores da estação de trem de Ollantaytambo. Os preços, em geral, saem mais em conta do do que em Cusco.

– Pernoite em Machu Picchu Pueblo e passeie pelas feirinhas locais. Como a cidade vive cheia de jovens, há boas opções de barzinhos e restaurantes na área.

– Tente dormir cedo, pois será preciso acordar de madrugada para chegar assim que o sol nasce à cidade sagrada dos incas.

* Todos os roteiros indicados foram visitados pela equipe de reportagem do Rota de Férias.
3 º dia +

Mapa da sua rota

O que conhecer em Machu Picchu e Cusco

Machu Picchu

– Acorde cedo, por volta das 4h, e entre no ônibus para Machu Picchu.

– Visite com calma a cidade perdida dos incas, admirando todas as suas obras e plataformas. Logo ma entrada, suba para a plataforma mais alta afim de apreciar a vista famosa do sítio histórico.

– Leve um guia para entender todas as construções sobre o que conhecer em Machu Picchu.

– Caso tenha pique, e reservado com antecedência, suba a montanha de Huaynapicchu. A subida e descida duram cerca de 2 horas. A vista lá de cima é incrível.

– O dia vai passar voando. No fim da tarde. pegue o trem para voltar para Cusco.

Na hora de montar um roteiro para o que conhecer em Machu Picchu e Cusco, consulte também o site de turismo oficial do país.

ASSUNTOS RELACIONADOS

* Todos os roteiros indicados foram visitados pela equipe de reportagem do Rota de Férias.

Serviços

Restaurantes+

Jack's Café (http://jackscafecusco.com/)

Moderninho, serve pratos rápidos e bons sanduíches no centrinho de Cusco.

Cicciolina (https://www.cicciolinacuzco.com/english/cicciolina_restaurant.html)

Um dos bons restaurantes de Cusco, com releituras aprimoradas de pratos andinos.

La Quinta Eulália (https://www.google.com.br/maps/place/Quinta+Eulalia/@-13.5140368,-71.9767182,15z/data=!4m2!3m1!1s0x0:0xf1333b8607c178b0?sa=X&ved=0CHYQ_BIwCmoVChMIn-q_3LGByAIViX-QCh3nIwyE)

Com ótimo custo-benefício, serve especialidades da região, como cuy e chicharrón.

Indio Feliz (http://www.indiofeliz.com/indio-feliz-machupicchu-en)

Restaurante descolado em Machu Picchu Pueblo. No inverno, as sopas são uma boa pedida.

Chez Maggy (https://www.google.com.br/maps/place/Chez+Maggy/@-13.1538703,-72.5233735,15z/data=!4m2!3m1!1s0x0:0x19cfc0d434754e3b)

Em Machu Picchu Pueblo, serve pizzas e pratos mexicanos.

Hotéis+

Palacio Del Inka (http://www.booking.com/hotel/pe/palacio-del-inka.pt-br.html)

Situado de frente para o Templo do Sol, em Cuzco, tem quartos em estilo colonial, uma bela adega para acompanhar os pratos de alta gastronomia servidos no restaurante e uma agência de viagem que promove tours personalizados pela região.

Hostel Pirwa Colonial (http://www.booking.com/hotel/pe/pirwa-backpackers-colonial.pt-br.html)

Perto da Plaza de Armas, é para quem deseja gastar pouco em Cusco e reservar passeios sem dificuldades, pois os atendentes organizam e vendem pacotes de uma série de tours pela região.

Soy y Luna (http://www.hotelsolyluna.com/)

Com localização estratégica no Vale Sagrado, é um refúgio perfeito para descansar antes ou depois do passeio por Machu Picchu. Os quartos são isolados uns dos outros, e o mais sofisticado conta com diversos ambientes e até um jacuzzi na área externa. Faz parte da rede Relais & Châteaux.

Sumaq (http://www.booking.com/hotel/pe/sumaq-machu-picchu.pt-br.html)

É o único cinco estrelas do vilarejo de Machu Picchu. Conta com spa e um ótimo restaurante de comida peruana, além de quartos com sacadas que permitem lindas vistas da região.

Belmond Sanctuary Lodg (http://www.belmond.com/pt-br/sanctuary-lodge-machu-picchu/)

Único hotel localizado no alto da montanha, às portas de Machu Picchu. É para quem não ligar de gastar muito para chegar primeiro, antes de os ônibus lotados de turistas chegarem.

Pirwa Machu Picchu Hostel (http://www.booking.com/hotel/pe/pirwa-backpacker-machu-picchu.pt-br.html)

Albergue bem localizado em Machu Picchu, com quartos simples, mas que serve café da manhã bem cedo, antes de os primeiros ônibus subirem as montanhas.

Dica+

Ingressos

Compre ingressos para Machu Picchu e Huaynapicchu, caso queira subir, com antecedência. Não há tíquetes nas portas. É possível fazer as compras via internet ou nas agências de turismo da região.

Booking.com