Bal Harbour, em Miami, promove eventos culturais e gastronômicos

2 de fevereiro de 2018

Por Redação

Alta gastronomia e compras luxuosas fazem parte da programação de quem vai a Bal Harbour, coladinha em Miami, no estado da Flórida (EUA). Entre visitas a museus e brunch privativo, eventos culturais prometem agitar os visitantes ao longo do ano.

LEIA MAIS: GOOGLE PASSA A PREVER ATRASO DE VOOS E TE AVISA ANTES DA COMPANHIA AÉREA
SPA DE RESORT MEXICANO INVESTE EM TRATAMENTO EXÓTICO

Arte em Bal Harbour

Desde o final de janeiro, a obra de Robert Chambers intitulada Rotorelief está exposta ao ar livre em Bal Harbour. Trata-se de um helicóptero real que teve as hélices substituídas por discos giratórios com desenhos em espiral. O trabalho é uma referência aos discos ópticos criados pelo artista francês Marcel Duchamp, em 1935.

Os objetos circulares, quando girados em certa velocidade, geravam um efeito hipnótico. A obra foi emprestada da coleção pessoal de colecionador Cricket Taplin e permanecerá em exposição até novembro de 2018.

Ainda na região, em Miami, o museu The Bass oferecerá um tour privativo aos visitantes em 4 de fevereiro. O belo espaço de arte contemporânea foi reaberto em outubro do ano passado. Os hóspedes dos hotéis de Bal Harbour têm a possibilidade de conhecer o novo museu em uma visita exclusiva, sob a tutela de Claire Breukel, curadora do Unscripted, projeto cultural do local.

Bal Harbour conta com atrações culturais e gastronômicas

Restaurantes de Bal Harbour

Já faz algum tempo que os restaurantes de Bal Harbour passaram a colecionar estrelas, o que transformou o destino em um dos polos gastronômicos mais desejados da Flórida . Em fevereiro, a vila colada a Miami Beach recebe pela primeira vez o Food Network & Cooking Channel South Beach Wine & Food Festival. Serão três jantares intimistas e cuidadosamente planejados por chefs renomados, entre os dias 22 e 24.

Para quem for viajar em abril, o museu Jewish da Flórida oferecerá  tour e brunch privativo pelo local. A atração está marcada para o dia 29 e quem estiver hospedado nos hotéis de Bal Harbour tem acesso live ao museu.

A visita ao Jewish será guiada pela diretoria executiva do local Susan Gladstone e contará também com a exposição do fotojornalista Arthur Rothstein. Através de suas lentes, em cliques emocionantes, o artista expõe a situação de refugiados em Shanghai nos anos 1940.