Tags

O ponto de partida do seu roteiro de viagem.

Roteiro de viagem

Las Vegas

3 DIAS EM LAS VEGAS

  • Divulgação

    Show de águas no Bellagio

  • Divulgação

    Pool party

  • Divulgação

    Hotel Paris Las Vegas

  • Divulgação

    The Linq

A CIDADE DO PECADO VAI ALÉM DOS CASSINOS E OFERECE ATIVIDADES IRADAS DIA E NOITE

Serviços

  • Onde ficar
    Caesars Palace

    Este é um dos maiores complexos hoteleiros de Las Vegas. Em suas diversas torres, há suítes espaçosas e com piso de mármore, hidromassagem e sala de estar. A área das piscinas transporta os hóspedes a um jardim romano, e no Colosseum, o maior teatro da cidade, rolam shows de artistas famosos.

    Aria

    A arquitetura kitsch não tem vez aqui. O Aria é moderno, luxuoso, fica no coração da Strip e abriga um ótimo shopping.

    Encore

    Com mais de 2 mil suítes, restaurantes premiados, butiques de designers e um spa completo, é um dos hotéis mais luxuosos da cidade. Divide espaço com o também sofisticado Wynn.

    The Palazzo

    Situado no mesmo completo do The Venetian, conta com suítes luxuosas, um ótimo shopping e diversas experiências gastronômicas de alto estilo.

    The D Las Vegas

    Esta é uma boa dica para quem deseja gastar menos. A única coisa é que o hotel fica longe da Strip, mais precisamente na Fremont Street.


  • Onde comer
    L’ Atelier

    O prestigiado chef Joel Robuchon comanda esta casa especializada em gastronomia francesa no MGM Grand. A boa carta de vinhos torna a experiência ainda mais especial.

    Wolfgang Puck Bar & Grill

    Mais um restaurante de chef famoso no MGM Grand. Aqui dá para provar cervejas importadas e especialidades como bolinho de siri com manjericão e fritas com queijo bleu derretido.

    Charlie Palmer Steak

    Para quem não abre mão de saborear bons cortes de carne, este é o lugar. Os preços são altos, mas o serviço faz jus ao Four Seasons, hotel em que o restaurante está localizado.

    Le Cirque

    Este restaurante localizado no hotel Bellagio serve frutos do mar, carnes e saladas com uma apresentação divina e sabores melhores ainda.

    Mesa

    Neste colorido restaurante do Caesar Palace, você come saladas, grelhados e outros pratos, além de boas sobremesas, por preços mais em conta do que nos vizinhos.



Roteiro

  • 1 ° dia

    Volta ao mundo na Strip

    – Para quem está hospedado na Las Vegas Boulevard, nome oficial da fervilhante Strip, é possível “dar a volta ao mundo” em uma única tarde. Afinal, é ali que ficam os principais hotéis-cassinos de Vegas, e muitos deles remetem a destinos famosos, como Paris ou Veneza.

    – Ao caminhar pelas calçadas, escadas rolantes e passarelas da Strip, você passa de um hotel-cassino para o outro. Todos eles têm grandes atrações além das roletas e máquinas caça-níqueis, a exemplos de shoppings e restaurantes. Alguns oferecem até shows gratuitos de hora em hora (ou algo em torno disso), como o Bellagio, cujo espetáculo de luzes dançantes pode ser visto da rua.

    – O Hotel Paris, por exemplo, tem uma réplica da Torre Eiffel, com a metade do tamanho da original, além de réplicas do Arco do Triunfo, da fachada do Museu do Louvre e da Ponte Alexandre III. De quebra, dentro do hotel há uma rua com lojas de artigos franceses.

    – O tema do Mandalay Bay é o sudeste asiático. Assim, quem passa pelo hotel encontra uma piscina com ondas que imita uma praia da Tailândia e um aquário cheio de tubarões.

    – O Luxor tem o formato de uma pirâmide do Egito e ostenta uma enorme esfinge na porta. No The Mirage , por sua vez, é possível fazer aulas de ioga em áreas especiais criadas para receber golfinhos e tigres brancos.

    – O emblemático New York New York traz na fachada réplicas do Empire State e da Estátua da Liberdade. No meio delas é possível ver os trilhos de uma montanha-russa vertical, com quedas vertiginosas que alcançam 53 metros, loopings e descidas em espirais.

    – Um dos hotéis mais emblemáticos de Vegas é o The Venetian. Inspirado em Veneza, o empreendimento reproduz as principais construções da cidade italiana, como a Praça São Marcos, o Palácio Ducal e o Campanário. Da rua é possível ver o canal artificial onde gôndolas e gondoleiros vestidos a caráter cantam O Sole Mio enquanto transportam os turistas pelo Grand Canal Shopping, um shopping center cheio de grifes famosas.

    – Não deixe de conferir a opulência do Caesar’s Palace, que tem colunas, fontes e estátuas que remetem ao Império Romano. É lá que fica também o The Forum Shops, um dos shoppings mais badalados da cidade.

    – É possível também entrar no “castelo” do Excalibur, cuja arquitetura faz jus aos tempos do rei Artur.

    – O hotel Treasure Island oferece a partir das 18h, a cada 90 minutos, uma batalha naval entre piratas e sereias que acontece no lago em frente à fachada principal.

    – Quando a noite cai, Vegas vira Vegas para valer e pulsam baladas na maioria dos hotéis-cassinos. As pistas mais fervidas mudam de tempos em tempos e de acordo com o dia da semana, mas há boas opções de nightclubs no Bellagio, no Aria, no The Cosmopolitan, no Wynn e no MGM Grand.

    – Caso queira se arriscar nos jogos de azar, siga para os cassinos do Bellagio e do Encore, que estão entre os mais agradáveis da cidade. Para quem está nas mesas, roletas ou caça-níqueis, há rodadas de bebidas gratuitas. Mas tenha bastante consciência do que está fazendo, pois é muito mais fácil perder do que ganhar.

    * Todos os roteiros indicados foram visitados pela equipe de reportagem do Rota de Férias.
  • 2 ° dia

    Compras e Cirque du Soleil

    – Quase todos os hotéis-cassino têm um shopping. O Caesar Palace abriga o The Forum Shops, com marcas como Bvlgari, Armani e Ermengildo Zegna. O Mandalay Bay e o Luxor são conectados pelo Shopping Mandalay Place. O The Venetian ostena o The Grand Canal Shoppers, com vitrines de luxo como Cartier, Dior, Prada e Hermès. O Aria é a casa do The Shops at Crystals, onde é possível comprar sapatos Jimmy Choo e bolsas Louis Vuitton. No Esplanade, do Wynn, há outras grifes top, como Manolo Blahnik, Christian Louboutin e Chanel.

    – Para quem busca preços mais acessíveis, uma boa dica é ir às lojas do Miracle Mile, no Planet Hollywood.

    – Ainda na Strip, mas fora dos cassinos, vale a pena visitar o Fashion Show Mall, com mais de 250 lojas, muitas delas de marcas queridinhas dos brasileiros. Há diversas lojas de departamento no espaço, como Saks Fifth Avenue, Neiman Marcus e Macy’s.

    – Um pouco mais afastados da zona turística estão os outlets Las Vegas Premium Outlets North e o Las Vegas South Premium Outlets. Neles é possível encontrar descontos entre 25% e 65% nas lojas de grifes famosas.

    – Para comprar eletrônicos, vá até a Fry, que fica próximo ao Las Vegas Outlet Center. É uma espécie de supermercado da tecnologia com itens a bons preços.

    – De noite, dá para optar entre assistir a shows à la Broadway, apresentando em diversos hotéis, ou então espetáculos de cantores famosos que, por vezes, passam o ano em cartaz em Las Vegas.

    – Imperdível mesmo, porém, é assistir a ao menos uma das produções do Cirque du Soleil na cidade. A trupe canadense está em vários hotéis. Entre os shows clássicos estão o The Beatles Love, dedicado aos fab4, que rola no The Mirage, o intrigante , no MGM, e o revolucionário O, no Bellagio, que se desenrola em uma enorme piscina e reúne, além de acrobatas e palhaços, mergulhadores profissionais.

    * Todos os roteiros indicados foram visitados pela equipe de reportagem do Rota de Férias.
  • 3 ° dia

    Stratosphere, The Linq e Fremont Sreet

    – No alto do Stratosphere, hotel que fica ao norte da Strip, há diversos brinquedos radicais. Um deles, inclusive, passa a sensação de que você irá despencar de 300 metros de altura. Para os mais corajosos, é uma boa pedida. Lá também tem um restaurante giratório, o The Top of The World, com vistas fantásticas da cidade.

    – Para quem busca algo diferente, uma boa dica é visitar o The Linq. É lá que fica a enorme roda-gigante High Roller, que, com 168 metros, ultrapassa em altura e em número de passageiros a London Eye e a Singapore Flyer, cartões-postais de Londres e Cingapura, respectivamente.

    – A atração conta com 28 cabines de observação. Cada uma delas tem capacidade para 40 pessoas e abriga bancos, música e TVs, para todo mundo fazer o tour de forma bem confortável. A volta inteira dura 30 minutos.

    – O The Linq reúne ainda outras atrações, como uma a tirolesa Fly LINQ a cervejaria Yard House, com mais de 130 tipos de cerveja; a chocolateria Ghirardelli; e a doceria Sprinkles Cupcakes.

    – Quando o sol se manda, uma boa dica é seguir para a Fremont Street, que remonta à fundação de Vegas, em 1905, e marca o centro da cidade. Divertida, a rua tem um enorme trecho coberto onde é produzida a Fremont Experience, show de luzes que rola todas as noites, de hora em hora, até a meia-noite.

    – Uma vez na Fremont, visita o hotel mais antigo da cidade, o Golden Gate, que passou por uma renovação e tem um cassino cheio de charme, com jeito de antigamente.

    – Nos arredores da Fremont há dois museus que também valem, e muito, uma passada: O Neon Museum, com os letreiros históricos dos cassinos, hotéis e restaurantes de Las Vegas, e o The Mob Museum, dedicado à máfia.

    * Todos os roteiros indicados foram visitados pela equipe de reportagem do Rota de Férias.
Informativo

Cadastre-se e receba com exclusividade nossos conteúdos.