• Crédito: Divulgação

    Show de águas no Bellagio

  • Crédito: Divulgação

    Pool party

  • Crédito: Divulgação

    Hotel Paris Las Vegas

  • Crédito: Divulgação

    The Linq

3 DIAS EM LAS VEGAS


A CIDADE DO PECADO VAI ALÉM DOS CASSINOS E OFERECE ATIVIDADES IRADAS DIA E NOITE

1 º dia +

Mapa da sua rota

Volta ao mundo na Strip

– Para quem está hospedado na Las Vegas Boulevard, nome oficial da fervilhante Strip, é possível “dar a volta ao mundo” em uma única tarde. Afinal, é ali que ficam os principais hotéis-cassinos de Vegas, e muitos deles remetem a destinos famosos, como Paris ou Veneza.

– Ao caminhar pelas calçadas, escadas rolantes e passarelas da Strip, você passa de um hotel-cassino para o outro. Todos eles têm grandes atrações além das roletas e máquinas caça-níqueis, a exemplos de shoppings e restaurantes. Alguns oferecem até shows gratuitos de hora em hora (ou algo em torno disso), como o Bellagio, cujo espetáculo de luzes dançantes pode ser visto da rua.

– O Hotel Paris, por exemplo, tem uma réplica da Torre Eiffel, com a metade do tamanho da original, além de réplicas do Arco do Triunfo, da fachada do Museu do Louvre e da Ponte Alexandre III. De quebra, dentro do hotel há uma rua com lojas de artigos franceses.

– O tema do Mandalay Bay é o sudeste asiático. Assim, quem passa pelo hotel encontra uma piscina com ondas que imita uma praia da Tailândia e um aquário cheio de tubarões.

– O Luxor tem o formato de uma pirâmide do Egito e ostenta uma enorme esfinge na porta. No The Mirage , por sua vez, é possível fazer aulas de ioga em áreas especiais criadas para receber golfinhos e tigres brancos.

– O emblemático New York New York traz na fachada réplicas do Empire State e da Estátua da Liberdade. No meio delas é possível ver os trilhos de uma montanha-russa vertical, com quedas vertiginosas que alcançam 53 metros, loopings e descidas em espirais.

– Um dos hotéis mais emblemáticos de Vegas é o The Venetian. Inspirado em Veneza, o empreendimento reproduz as principais construções da cidade italiana, como a Praça São Marcos, o Palácio Ducal e o Campanário. Da rua é possível ver o canal artificial onde gôndolas e gondoleiros vestidos a caráter cantam O Sole Mio enquanto transportam os turistas pelo Grand Canal Shopping, um shopping center cheio de grifes famosas.

– Não deixe de conferir a opulência do Caesar’s Palace, que tem colunas, fontes e estátuas que remetem ao Império Romano. É lá que fica também o The Forum Shops, um dos shoppings mais badalados da cidade.

– É possível também entrar no “castelo” do Excalibur, cuja arquitetura faz jus aos tempos do rei Artur.

– O hotel Treasure Island oferece a partir das 18h, a cada 90 minutos, uma batalha naval entre piratas e sereias que acontece no lago em frente à fachada principal.

– Quando a noite cai, Vegas vira Vegas para valer e pulsam baladas na maioria dos hotéis-cassinos. As pistas mais fervidas mudam de tempos em tempos e de acordo com o dia da semana, mas há boas opções de nightclubs no Bellagio, no Aria, no The Cosmopolitan e no MGM Grand.

– Caso queira se arriscar nos jogos de azar, siga para os cassinos do Bellagio e do Encore, que estão entre os mais agradáveis da cidade. Para quem está nas mesas, roletas ou caça-níqueis, há rodadas de bebidas gratuitas. Mas tenha bastante consciência do que está fazendo, pois é muito mais fácil perder do que ganhar.

* Todos os roteiros indicados foram visitados pela equipe de reportagem do Rota de Férias.
2 º dia +

Mapa da sua rota

Compras e Cirque du Soleil

– Quase todos os hotéis-cassino têm um shopping. O Caesar Palace abriga o The Forum Shops, com marcas como Bvlgari, Armani e Ermengildo Zegna. O Mandalay Bay e o Luxor são conectados pelo Shopping Mandalay Place. O The Venetian ostena o The Grand Canal Shoppers, com vitrines de luxo como Cartier, Dior, Prada e Hermès. O Aria é a casa do The Shops at Crystals, onde é possível comprar sapatos Jimmy Choo e bolsas Louis Vuitton. No Esplanade, do Wynn, há outras grifes top, como Manolo Blahnik, Christian Louboutin e Chanel.

– Para quem busca preços mais acessíveis, uma boa dica é ir às lojas do Miracle Mile, no Planet Hollywood.

– Ainda na Strip, mas fora dos cassinos, vale a pena visitar o Fashion Show Mall, com mais de 250 lojas, muitas delas de marcas queridinhas dos brasileiros. Há diversas lojas de departamento no espaço, como Saks Fifth Avenue, Neiman Marcus e Macy’s.

– Um pouco mais afastados da zona turística estão os outlets Las Vegas Premium Outlets North e o Las Vegas South Premium Outlets. Neles é possível encontrar descontos entre 25% e 65% nas lojas de grifes famosas.

– Para comprar eletrônicos, vá até a Fry, que fica próximo ao Las Vegas Outlet Center. É uma espécie de supermercado da tecnologia com itens a bons preços.

– De noite, dá para optar entre assistir a shows à la Broadway, apresentando em diversos hotéis, ou então espetáculos de cantores famosos que, por vezes, passam o ano em cartaz em Las Vegas.

– Imperdível mesmo, porém, é assistir a ao menos uma das produções do Cirque du Soleil na cidade. A trupe canadense está em vários hotéis. Entre os shows clássicos estão o The Beatles Love, dedicado aos fab4, que rola no The Mirage, o intrigante , no MGM, e o revolucionário O, no Bellagio, que se desenrola em uma enorme piscina e reúne, além de acrobatas e palhaços, mergulhadores profissionais.

* Todos os roteiros indicados foram visitados pela equipe de reportagem do Rota de Férias.
3 º dia +

Mapa da sua rota

Stratosphere, The Linq e Fremont Sreet

– No alto do Stratosphere, hotel que fica ao norte da Strip, há diversos brinquedos radicais. Um deles, inclusive, passa a sensação de que você irá despencar de 300 metros de altura. Para os mais corajosos, é uma boa pedida.

– Para quem busca algo mais tranquilo, uma boa dica é visitar o The Linq. É lá que fica a enorme roda-gigante High Roller, que, com 168 metros, ultrapassa em altura e em número de passageiros a London Eye e a Singapore Flyer, cartões-postais de Londres e Cingapura, respectivamente.

– A atração conta com 28 cabines de observação. Cada uma delas tem capacidade para 40 pessoas e abriga bancos, música e TVs, para todo mundo fazer o tour de forma bem confortável. A volta inteira dura 30 minutos.

– O The Linq reúne ainda outras atrações, como a cervejaria Yard House, com mais de 130 tipos de cerveja; a chocolateria Ghirardelli; a doceria Sprinkles Cupcakes; o boliche Brooklyn Bowl; e uma loja inédita da Polaroid, a Polaroid Fotobar.

– Quando o sol se manda, uma boa dica é seguir para a Fremont Street, que remonta à fundação de Vegas, em 1905, e marca o centro da cidade. Divertida, a rua tem um enorme trecho coberto onde é produzida a Freemont Experience, show de luzes que rola todas as noites, de hora em hora, até a meia-noite.

– Uma vez na Fremont, visita o hotel mais antigo da cidade, o Golden Gate, que passou por uma renovação e tem um cassino cheio de charme, com jeito de antigamente.

* Todos os roteiros indicados foram visitados pela equipe de reportagem do Rota de Férias.

Serviços

Restaurantes+

L’ Atelier (https://www.mgmgrand.com/en/restaurants/latelier-joel-robuchon-french-restaurant.html)

O prestigiado chef Joel Robuchon comanda esta casa especializada em gastronomia francesa no MGM Grand. A boa carta de vinhos torna a experiência ainda mais especial.

Wolfgang Puck Bar & Grill (https://www.mgmgrand.com/en/restaurants/wolfgang-grill-bar-restaurant.html)

Mais um restaurante de chef famoso no MGM Grand. Aqui dá para provar cervejas importadas e especialidades como bolinho de siri com manjericão e fritas com queijo bleu derretido.

Charlie Palmer Steak (http://www.charliepalmer.com/charlie-palmer-steak-las-vegas/)

Para quem não abre mão de saborear bons cortes de carne, este é o lugar. Os preços são altos, mas o serviço faz jus ao Four Seasons, hotel em que o restaurante está localizado.

Le Cirque (https://www.bellagio.com/en/restaurants/le-cirque.html)

Este restaurante localizado no hotel Bellagio serve frutos do mar, carnes e saladas com uma apresentação divina e sabores melhores ainda.

Mesa (https://www.caesars.com/caesars-palace/restaurants/mesa-grill#.V4VLUrgrLIU)

Neste colorido restaurante do Caesar Palace, você come saladas, grelhados e outros pratos, além de boas sobremesas, por preços mais em conta do que nos vizinhos.

Hotéis+

Caesars Palace (http://www.booking.com/hotel/us/harrah-s-caesars-palace.pt-br.html)

Este é um dos maiores complexos hoteleiros de Las Vegas. Em suas diversas torres, há suítes espaçosas e com piso de mármore, hidromassagem e sala de estar. A área das piscinas transporta os hóspedes a um jardim romano, e no Colosseum, o maior teatro da cidade, rolam shows de artistas famosos.

Aria (http://www.booking.com/hotel/us/aria-resort-casino.pt-br.html)

A arquitetura kitsch não tem vez aqui. O Aria é moderno, luxuoso, fica no coração da Strip e abriga um ótimo shopping.

Encore (http://www.booking.com/hotel/us/encore-las-vegas.pt-br.html)

Com mais de 2 mil suítes, restaurantes premiados, butiques de designers e um spa completo, é um dos hotéis mais luxuosos da cidade. Divide espaço com o também sofisticado Wynn.

The Palazzo (http://www.palazzo.com)

Situado no mesmo completo do The Venetian, conta com suítes luxuosas, um ótimo shopping e diversas experiências gastronômicas de alto estilo.

The D Las Vegas (http://www.booking.com/hotel/us/the-d-las-vegas.pt-br.html)

Esta é uma boa dica para quem deseja gastar menos. A única coisa é que o hotel fica longe da Strip, mais precisamente na Fremont Street.

Dicas e curiosidades+

Transporte

O melhor jeito de ir de um hotel para o outro na Strip é a pé, mas você pode usar também o monorail trenzinho que corta a principal avenida da cidade e tem estações junto a diversos hotéis. Também dá para pegar os ônibus double-decker The Deuce. A principal linha é a que percorre a Strip de norte a sul, chegando até o centro de Vegas. Os tíquetes são vendidos em diversos pontos ao longo da avenida.

Comida barata

Para gastar menos na hora de comer, procure pelos bufês dos hotéis, que são bem tradicionais em Las Vegas. Em geral, a variedade de pratos é grande e os preços são convidativos. Experimente casas como MGM Grand Buffet, o Madalay Bay’s Buffet e o Wyn Las Vegas Buffet.

Clima seco

O clima árido de Las Vegas, que fica no meio de um deserto, exige alguns cuidados com a saúde. Tenha sempre uma garrafa de água em mãos e não deixe de passar filtro solar e protetor labial.

Pool party

No verão, a maioria dos hotéis promove pool parties em suas piscinas, com festas regadas a música eletrônica, muita bebida e corpos sarados. Nos meses mais frios, as piscinas ficam fechadas.

Grand Canyon+

Tour de carro ou helicóptero

Caso tenha um dia a mais de viagem, vá para o Grand Canyon, a 480 km de Vegas. Se achar o bate-volta de carro muito puxado, arrisque um voo de helicóptero. Durante o trajeto dá para observar a Hoover Dam, barragem de 221 metros de altura entre os Estados de Nevada e Arizona. Já no Grand Canyon estão os clássicos cânions vertiginosos de coloração avermelhada, onde é possível fazer uma série de tours.

Booking.com