Crédito: Pixabay

Viaje pelo mundo das xícaras de chá

22 22-03:00 outubro 22-03:00 2020

Por Redação

Os britânicos são reconhecidos mundialmente pelo hábito de tomar chá, especialmente no fim de tarde, mas o costume de infusionar ervas e especiarias em água fervente remete a costumes e tradições de civilizações muito mais antigas.

Quer ganhar um e-book exclusivo com dicas de viagem? Assine nossa newsletter neste link.

Criado por acidente na China pelo imperador Shen-Nung – ele estava fervendo água à sombra de uma árvore que balançava –, o chá logo se espalhou por todas as regiões do mundo, Hoje, é uma das bebidas mais consumidas do planeta e serve como referência até para viagens temáticas.

Volta ao mundo pelas xícaras de chá

Nos navios da Regent Seven Seas Cruises, linha de cruzeiros marítimos de luxo, o chá é sempre um grande protagonistas. Confira cinco rotas cheias de sabor que contam a história da bebida e serão exploradas, em breve, pela companhia.

LEIA MAIS: CONHEÇA OS 100 MELHORES HOTÉIS DO MUNDO EM 2020
6 HOTÉIS ISOLADOS AO REDOR DO MUNDO PARA VIAJAR COM DISTANCIAMENTO

Índia

Muito embora a maioria dos registros históricos creditem a descoberta do chá aos chineses, os indianos também reivindicam e atribuem a criação da bebida ao príncipe Bodi-Dhama.

Verdade ou não, a Índia é uma das nações que mais consomem chá no mundo e uma das paradas do Seven Seas Explorer, no trecho Singapura – Dubai, em abril de 2022.

A infusão sugerida pela Regent Seven Seas para este roteiro é a Massala Chai.

Japão

A arte de preparar e servir um bom chá está no DNA do Japão. O povo do país é um grande apreciador e consumidor da bebida, que está intrinsecamente ligada à cultura japonesa graças a uma tradição secular, a Cerimônia do Chá.

No roteiro Tokyo to Tokyo, também a bordo do Seven Seas Explorer, previsto para março de 2022, será possível desbravar a terra do sol nascente e, quem sabe, participar in loco da experiência.

Em uma das paradas, em Busan, na Coreia do Sul, há um passeio exclusivo com ênfase na cultura do chá em um templo budista.

Sakura blend com chá verde e branco, rosas, cereja morrello e matcha é a inspiração para esse roteiro.

África

A África também tem um importante papel na difusão do chá em termos globais. O Rooibos é a personificação do sabor africano e, além de fazer muito sucesso, sobretudo na Inglaterra, é uma erva nativa do continente.

Para quem quiser conhecer a terra do Rooibos, o roteiro Cidade do Cabo, a bordo do Seven Seas Voyager, em dezembro de 2021, é a pedida certa desbravar as belezas da África do Sul.

O chá sugerido pela Regent Seven Seas para este cruzeiro leva Rooibos, folhas de eucalipto, casca de laranja e pêssego.

Brasil

O chá chegou ao Brasil graças aos portugueses, mas o uso de ervas e infusões, sobretudo de forma medicinal, já era um costume amplamente difundido entre os índios.

O país é dono da maior biodiversidade do mundo, com grande variedade de espécies à disposição. Por isso, não pode ficar de fora um tour pelas xícaras.

Explore de perto as belezas nacionais ao navegar pelo Rio Amazonas, no roteiro Rio de Janeiro – Miami, com o Seven Seas Voyager, em março de 2022.

A infusão sugerida para se inspirar o trajeto é a Erva Mate orgânica.

China

A China é a grande responsável pela “invenção” do chá. Falar sobre a história da bebida, bem como os sabores, aromas e propriedades medicinais que a tradição chinesa ensinou ao longo dos séculos, é incrível.

Mergulhar em um roteiro de Hong Kong a Singapura, a bordo do Seven Seas Explorer, também. A embarcação zarpará em novembro de 2021 e promete uma verdadeira imersão no sul asiático.

A inspiração do cruzeiro é um blend de chá verde, lima hortelã, limão e rum.

Para reservas, consulta de preços e mais informações a respeito dos roteiros da Regent Seven Seas Cruises, consulte seu agente de viagem ou acesse o site da empresa.

Maiores navios de passageiros do mundo

Não é exagero chamar alguns navios de cruzeiros de hotéis dos mares. As enormes embarcações são maiores que muitos prédios e oferecem diversas atrações seus passageiros. Para dar conta de todos os serviços, muitas delas contam com um batalhão de funcionários.

Na galeria, confira alguns dos maiores navios de passageiro do mundo. Eles são tão grandes que até mesmo o famoso RMS Titanic, maior embarcação em 1912, ficaria minusculo ao lado dos modelos atuais. O navio que naufragou de maneira trágica há mais de 100 anos tinha 269 metros de comprimento, 53 metros de altura e pesava 46.328 toneladas. Veja a dimensão dos maiores transatlânticos atualmente.

  • Crédito: Divulgação
    Royal Caribbean Symphony of the Seas (2018): 228 mil toneladas, 362,1 metros de comprimento e 72,5 metros de altura
  • Crédito: Divulgação
    Royal Caribbean Symphony of the Seas (2018): 228 mil toneladas, 362,1 metros de comprimento e 72,5 metros de altura
  • Crédito: Divulgação
    Royal Caribbean Symphony of the Seas (2018): 228 mil toneladas, 362,1 metros de comprimento e 72,5 metros de altura
  • Crédito: Divulgação
    Royal Caribbean Harmony of the Seas (2016): 227 mil toneladas, 362,1 metros de comprimento e 70 metros de altura
  • Crédito: Divulgação
    Royal Caribbean Harmony of the Seas (2016): 227 mil toneladas, 362,1 metros de comprimento e 70 metros de altura
  • Crédito: Divulgação
    Royal Caribbean Harmony of the Seas (2016): 227 mil toneladas, 362,1 metros de comprimento e 70 metros de altura
  • Crédito: Divulgação
    Royal Caribbean Allure of the Seas (2010): 225.282 toneladas, 362 metros de comprimento e 72 metros de altura
  • Crédito: Divulgação
    Royal Caribbean Allure of the Seas (2010): 225.282 toneladas, 362 metros de comprimento e 72 metros de altura
  • Crédito: Divulgação
    Royal Caribbean Allure of the Seas (2010): 225.282 toneladas, 362 metros de comprimento e 72 metros de altura
  • Crédito: Divulgação
    Royal Caribbean Oasis of the Seas (2009): 225.282 toneladas, 361,6 metros de comprimento e 72 metros de altura
  • Crédito: Divulgação
    Royal Caribbean Oasis of the Seas (2009): 225.282 toneladas, 361,6 metros de comprimento e 72 metros de altura
  • Crédito: Divulgação
    Royal Caribbean Oasis of the Seas (2009): 225.282 toneladas, 361,6 metros de comprimento e 72 metros de altura
  • Crédito: Divulgação
    Aida Cruises AIDAnova (2018): 183.900 toneladas, 337 metros de comprimento e 69 metros de altura
  • Crédito: Divulgação
    Aida Cruises AIDAnova (2018): 183.900 toneladas, 337 metros de comprimento e 69 metros de altura
  • Crédito: Divulgação
    Aida Cruises AIDAnova (2018): 183.900 toneladas, 337 metros de comprimento e 69 metros de altura
  • Crédito: Divulgação
    MSC Grandiosa (2019): 181 mil toneladas, 331 metros de comprimento e 67 metros de altura
  • Crédito: Divulgação
    MSC Grandiosa (2019): 181 mil toneladas, 331 metros de comprimento e 67 metros de altura
  • Crédito: Divulgação
    MSC Grandiosa (2019): 181 mil toneladas, 331 metros de comprimento e 67 metros de altura
  • Crédito: Divulgação
    MSC Bellissima (2019): 171.598 toneladas, 315 metros de comprimento e 69 metros de altura
  • Crédito: Divulgação
    MSC Bellissima (2019): 171.598 toneladas, 315 metros de comprimento e 69 metros de altura
  • Crédito: Divulgação
    MSC Bellissima (2019): 171.598 toneladas, 315 metros de comprimento e 69 metros de altura
  • Crédito: Divulgação
    MSC Meraviglia (2017): 171.598 toneladas e 315 metros de comprimento
  • Crédito: Divulgação
    MSC Meraviglia (2017): 171.598 toneladas e 315 metros de comprimento
  • Crédito: Divulgação
    MSC Meraviglia (2017): 171.598 toneladas e 315 metros de comprimento
  • Crédito: Divulgação
    Norwegian Encore (2019): 169.145 toneladas e 333 metros de comprimento
  • Crédito: Divulgação
    Norwegian Encore (2019): 169.145 toneladas e 333 metros de comprimento
  • Crédito: Divulgação
    Norwegian Encore (2019): 169.145 toneladas e 333 metros de comprimento
  • Crédito: Divulgação
    Royal Caribbean Spectrum of the Seas (2019): 168.670 toneladas e 348 metros de comprimento
  • Crédito: Divulgação
    Royal Caribbean Spectrum of the Seas (2019): 168.670 toneladas e 348 metros de comprimento
  • Crédito: Divulgação
    Norwegian Bliss (2018): 167.800 toneladas e 330 metros de comprimento
  • Crédito: Divulgação
    Norwegian Bliss (2018): 167.800 toneladas e 330 metros de comprimento
  • Crédito: Divulgação
    Norwegian Bliss (2018): 167.800 toneladas e 330 metros de comprimento
  • Crédito: Divulgação
    Royal Caribbean Ovation of the Seas (2016): 167.800 toneladas e 348 metros de comprimento
  • Crédito: Divulgação
    Royal Caribbean Ovation of the Seas (2016): 167.800 toneladas e 348 metros de comprimento
  • Crédito: Divulgação
    Royal Caribbean Ovation of the Seas (2016): 167.800 toneladas e 348 metros de comprimento
  • Crédito: Divulgação
    Royal Caribbean Quantum of The Seas (2014): 167.800 toneladas e 347 metros de comprimento
  • Crédito: Divulgação
    Royal Caribbean Quantum of The Seas (2014): 167.800 toneladas e 347 metros de comprimento
  • Crédito: Divulgação
    Royal Caribbean Quantum of The Seas (2014): 167.800 toneladas e 347 metros de comprimento
  • Crédito: Divulgação
    Royal Caribbean Anthem of the Seas (2015): 167.800 toneladas e 347 metros de comprimento
  • Crédito: Divulgação
    Royal Caribbean Anthem of the Seas (2015): 167.800 toneladas e 347 metros de comprimento
  • Crédito: Divulgação
    Royal Caribbean Anthem of the Seas (2015): 167.800 toneladas e 347 metros de comprimento
  • Crédito: Divulgação
    Norwegian Joy (2017): 167.725 toneladas e 334 metros de comprimento
  • Crédito: Divulgação
    Norwegian Joy (2017): 167.725 toneladas e 334 metros de comprimento
  • Crédito: Divulgação
    Norwegian Joy (2017): 167.725 toneladas e 334 metros de comprimento
  • Crédito: Divulgação
    Norwegian Escape (2015): 164.600 toneladas e 326 metros de comprimento
  • Crédito: Divulgação
    Norwegian Escape (2015): 164.600 toneladas e 326 metros de comprimento
  • Crédito: Divulgação
    Norwegian Escape (2015): 164.600 toneladas e 326 metros de comprimento
  • Crédito: Divulgação
    Norwegian Epic (2010): 155.873 toneladas e 334 metros de comprimento
  • Crédito: Divulgação
    Norwegian Epic (2010): 155.873 toneladas e 334 metros de comprimento
  • Crédito: Divulgação
    Norwegian Epic (2010): 155.873 toneladas e 334 metros de comprimento
  • Crédito: Divulgação
    Royal Caribbean Independence of the Seas (2008): 154.407 toneladas e 339 metros de comprimento
  • Crédito: Divulgação
    Royal Caribbean Independence of the Seas (2008): 154.407 toneladas e 339 metros de comprimento
  • Crédito: Divulgação
    Royal Caribbean Independence of the Seas (2008): 154.407 toneladas e 339 metros de comprimento