Crédito: Divulgação/Earth and Sky/Maki Yanagimachi

Visite a Nova Zelândia na primavera

4 de outubro de 2016

Por Maria Beatriz Vaccari

A Nova Zelândia é linda em qualquer época do ano, mas a primavera é um tanto o quanto especial. De setembro ao final de dezembro, o país da Oceania ganha uma atmosfera única, que destaca suas belezas naturais e encanta qualquer um. Confira cinco (ótimos) motivos para visitar o país dos Kiwis.

Obra de arte da natureza

Os grandes campos verdes e florestas da Nova Zelândia serviram de cenário para filmes que retratam a terra média, como a trilogia “O Senhor dos Anéis”. Na primavera, as paisagens naturais se tornam ainda mais majestosas, com destaque para as plantas tremoceiros selvagens e rododendros. Quem gosta de flores pode aproveitar para visitar o Taranaki Garden Spectacular, festival que acontece na Ilha Norte em 28 de outubro e conta com mais de 45 jardins.

Águas termais

As experiências termais da Nova Zelândia ficam ainda mais gostosas durante a primavera. A praia de Hot Water Beach, na península de Coromandel, fica em cima de antigas fontes termais. Dá para moldar sua própria banheira na areia e relaxar na água mineral quentinha.

Clima ideal para passeios

O clima ameno é outra vantagem da estação das flores. Os dias iluminados permitem que os turistas explorem o país ao ar livre. Uma boa opção é alugar uma bicicleta e sair pedalando pela trilha Karangahake Gorge, que está na lista das 14 maravilhas da Nova Zelândia e fica na península de Coromandel. Quem busca contato com a vida selvagem pode optar pelas florestas tropicais temperadas do Parque Nacional Tai Poutini, em Westland. A região interage com o oceano e está dentro do sítio Te Wahipounamu, nomeado Patrimônio da Humanidade pela UNESCO. Durante o percurso, os viajantes conseguem observar animais como pinguins e lobos-marinhos.

Esquie numa boa

Apesar de não apresentar temperaturas tão baixas, o período de setembro a dezembro é ideal para esquiar na Nova Zelândia. Nessa época, as tradicionais estações de esqui de Queenstown ficam mais vazias e aconchegantes, já que a temporada do esporte vai até outubro.

Ótima gastronomia

A principal atração gastronômica da primavera neozelandesa é a temporada do salmão-rei, que começa em outubro. Um bom lugar para provar o peixe é a fazenda Mt. Cook Lapine Salmon, em Tekapo. Banhado por águas glaciais, o local conta com condições perfeitas para que os peixes cresçam sem a necessidade de vacinas, hormônios, pesticidas ou antibióticos.

A alta gastronomia se destaca ainda mais durante o festival culinário FAWC (Food & Wine Classic), que acontece entre 4 e 13 de novembro em Hawke’s Bay. Dá para conhecer feiras de produtores locais e apreciar almoços temáticos harmonizados com vinhos locais.

  • Crédito: Foto: Divulgação/Mike Langford
    Nova Zelândia na primavera
  • Crédito: Foto: Divulgação/Maki Yanagimachi
    Nova Zelândia na primavera
  • Crédito: Foto: Divulgação/www.christchurchnz.com
    Nova Zelândia na primavera
  • Crédito: Foto: Divulgação/Earth and Sky / Maki Yanagimachi
    Nova Zelândia na primavera
  • Crédito: Foto: Divulgação/David Wall
    Nova Zelândia na primavera
  • Crédito: Foto: Divulgação/Louise Hatton
    Nova Zelândia na primavera
  • Crédito: Foto: Divulgação/www.thecoromandel.com
    Nova Zelândia na primavera
  • Crédito: Foto: Divulgação/Mt Dobson Ski Area
    Nova Zelândia na primavera
  • Crédito: Foto: Divulgação/Otahuna Lodge / www.otahuna.co.nz
    Nova Zelândia na primavera
  • Crédito: Foto: Divulgação/Foris Eco Tours
    Nova Zelândia na primavera
  • Crédito: Foto: Divulgação/http://whiteherontours.co.nz/
    Nova Zelândia na primavera