Crédito: Shutterstock

União Europeia chega a acordo provisório sobre passaporte da vacina

24 24-03:00 maio 24-03:00 2021

Por Redação

Com o avanço da vacinação ao redor do mundo, muitos países estão implementando medidas para reabrir as fronteiras para viajantes. Na semana passada, após longa deliberação, a União Europeia (UE) chegou a um acordo provisório a respeito da emissão de um certificado que funcionará como passaporte da vacina.

Passagens aéreas mais baratas para a Europa? – Pesquise aqui e encontre as melhores opções.

“Fumaça branca: chegamos a um acordo a respeito da proposta da Comissão Europeia para o certificado digital da covid-19 da União Europeia. Vamos entregar essa nova ferramenta em tempo recorde para proteger a liberdade de ir e vir de todos os cidadãos”, anunciou via Twitter o comissário europeu de Justiça, Didier Reynders.

Como será o passaporte da vacina da União Europeia  

Polêmico, já que deve levar em consideração tipos de imunizantes aprovados ao redor do planeta e segurança contra fraude, entre outros fatores, o documento europeu poderá ser digital, verificado por um aplicativo, ou ainda emitido em papel. No caso do app, a ideia é que o passaporte da vacina da União Europeia traga um QR code, que poderá ser verificado pelas autoridades de cada país nos postos de imigração.

Com um chip viagem internacional, você pode usar internet em qualquer lugar da Europa. Aplique o cupom rotadeferias na Viaje Conectado e ganhe até 10% de desconto.

Mais do que certificar que a pessoa foi vacinada, o documento poderá trazer informações extras. Entre elas, um histórico de testes negativos em relação à covid-19 e dados se o viajante já foi infectado pelo vírus em algum momento e desenvolveu anticorpos.

Prova única

Baseado em relatórios como o do Centro Europeu de Prevenção e Controle de Doenças (ECDC em inglês), que divulgou recentemente que a probabilidade de uma pessoa vacinada infectada transmitir a doença é atualmente avaliada como muito baixa a baixa, a UE não pretende adotar restrições adicionais aos turistas imunizados, como quarentenas ou exigências de testes. Bastará apresentar o certificado de vacinação para entrar nos países do bloco.

Clique aqui para receber as notícias do Rota de Férias por e-mail e ganhe um e-book exclusivo com dicas de viagem.

Há uma pressão sobre os líderes da União Europeia para que o passaporte da vacina seja aprovado ainda em junho, antes do início da temporada de verão no continente. Alguns países, como a Espanha, já anunciaram que permitirão a entrada de turistas vacinados de qualquer país, desde que estejam imunizados com as doses aprovadas pelo bloco ou pela Organização Mundial da Saúde.

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *