Crédito: Divulgação

Saiba o que fazer em Dundee, na Escócia

12 de setembro de 2018

Por Redação

Localizada na costa leste da Escócia, Dundee é uma cidade repleta de surpresas. Ela fica a pouco mais de uma hora de trem de Edimburgo e conta com uma crescente cena cultural, com destaque para o V&A Dundee – a filial escocesa do museu londrino, com abertura prevista para 15 de setembro.

Fora isso, a cidade dispõe de diversas galerias de arte e design, uma variada gama de restaurantes e bares, uma forte cena musical e grandes eventos. Dundee tem como mérito ter sido nomeada a primeira Cidade do Design da UNESCO no Reino Unido. Confira como aproveitar a cidade escocesa em 48 horas.

O que fazer em Dundee, na Escócia

De hotéis-butique aos mais econômicos, a variedade de acomodações em Dundee está em expansão. Ao todo, serão mais de 1.200 camas de hotel até o final de 2018.

O Hotel Indigo, que acaba de ser reaberto em uma antiga fábrica de juta, com 102 quartos e 12 suítes, reforça a boa oferta de hospedagem na região. O Malmaison, o Apex e o Holiday Inn Express, além do recém-inaugurado Hampton by Hilton, são outras opções na cidade.

A nova estação ferroviária de Dundee também está prevista para começar a funcionar neste verão, após uma remodelação que custou 14 milhões de libras. Nos andares de cima da estação fica o hotel Sleeperz, com 120 camas, aberto desde julho. Perto da estação à beira-mar, o remodelado Premier Inn também foi reaberto e acrescentou 60 quartos aos existentes.

Primeiro dia em Dundee

Manhã

O V&A Dundee, erguido em um prédio desenhado por Kengo Kuma, é o primeiro museu de design da Escócia e vai abrigar o patrimônio do país nessa área, além de receber galerias permanentes. A exposição de abertura será a Ocean Liners: Speed and Style, que irá mergulhar na história dos poderosos navios transoceânicos a vapor.

Após este passeio, outra opção é seguir para o Rio Tay com os navios piratas e realizar um tour de uma hora, que revive a história da cidade. O embarque rola no Broughty Ferry, a apenas 10 minutos de carro do centro da cidade, e a embarcação passeia pela orla renovada de Dundee. Quem estiver na cidade entre maio e setembro pode, inclusive, ver alguns golfinhos saltando no mar.

Tarde

Foi em Dundee que nasceu a marmalade, a típica geleia britânica de frutas cítricas. Para homenagear essa descoberta, o café Avery & Co oferece o coquetel Marmalade Mojito, servido em um vidro de geleia Mackays Dundee, para acompanhar o almoço. O café tem também um menu vegano, além de opções tradicionais, como a carne de porco desfiada coreana e o hambúrguer com maionese de alho assado.

História social da cidade

Uma visita ao Verdant Works, um antigo e remodelado moinho de juta, é uma boa opção para descobrir a história industrial e social desta região escocesa. O espaço abriga o Jute Museum e tem várias atividades interativas. Dali, outra dica é seguir para o High Mill, que foi recentemente restaurado e agora abriga um motor a vapor Boulton & Watt original e funcionando.

LEIA MAIS: VIAGEM DE CARRO PELA ESCÓCIA REVELA BELAS PAISAGENS
COMO É FAZER UM TOUR POR UMA DESTILARIA DE UÍSQUE NA ESCÓCIA

Vale a pena pegar um táxi e, cinco minutos depois, chegar ao RRS Discovery, no Discovery Point, local que lembra a viagem do Capitão Scott e sua tripulação à Antártica no começo do século 20.

Bebidas locais

A destilaria Verdant Spirits, a primeira a ser aberta em Dundee, ganhou o prêmio de Melhor Gin Escocês em 2017 e inaugurará um centro de visitantes neste verão.

Noite

O Brassica, um bar, restaurante e padaria que abriu em junho último, é um dos melhores da cidade. O restaurante ocupa um dos espaços do antigo cofre no térreo do prédio histórico Caird Hall e tem vista para a orla. Todos os seus produtos são adquiridos em um raio de 80 km de Dundee. Vale a pena analisar o cardápio de champanhes e gins, com muitos gins escoceses.

Após o jantar, uma opção é ouvir os casos assustadores da cidade durante o passeio Dark Dundee. Essas caminhadas levam os viajantes ao passado da cidade, mostrando lugares como o HM Frigate Unicorn e o Howff, um túmulo do século 16 que fica no centro do município.

Segundo dia em Dundee

Manhã

Uma sugestão é passear pelas oito galerias que abrigam exposições de arte, história e meio ambiente no McManus: Dundee’s Art Gallery and Museum. Além das exposições permanentes, há uma programação dinâmica de exposições e eventos ao longo do ano.

Divulgação
Um esqueleto de baleia é uma das atrações do McManus: Dundee’s Art Gallery and Museum |Divulgação

Um esqueleto de baleia é uma das atrações do McManus: Dundee’s Art Gallery and Museum

A nova exposição Bash Street’s Back comemora os 80 anos da revista cômica britânica “Beano” , na qual a cidade de Dundee aparece nos quadrinhos com um papel importante. É uma maneira de ver a cultura em evolução nas últimas décadas.

Arte contemporânea

Para ter um gostinho da arte contemporânea da cidade, visite o DCA (Dundee Contemporary Arts). Convertido a partir de um antigo armazém de tijolos à vista, ele combina galerias de arte, gráfica, dois cinemas e uma loja com café e restaurante.

Hora do almoço

Depois de uma manhã cheia de experiências artísticas, um bom lugar para o almoço é a Gallery 48, uma galeria de arte contemporânea com restaurante de tapas e bar de gin, rodeada de obras advindas da vizinha Duncan of Jordanstone College of Art & Design, a faculdade de artes da University of Dundee.

Tarde

O passeio guiado Behind the Scenes Dundee foi desenvolvido pelas equipes do Creative Dundee e do Dundee Contemporary Arts e leva o turista aos bastidores dos espaços culturais da cidade, incluindo estúdios de criatividade e lojas independentes. Uma forma alternativa de ver a cidade é com a Run the Sights, programa que mistura corrida com uma visita guiada a alguns dos mais interessantes pontos da cidade.

Arte de rua

O primeiro projeto de arte de rua do local cobre os becos e esquinas esquecidos da cidade. A ideia é incentivar as pessoas a explorar partes que não aparecem em passeios regulares. São portas, muros e espaços cobertos por artistas de rua, que criaram um panorama único. Chamado de Open Close, o roteiro do passeio pode ser baixado online.

Divulgação
Open Close é outra opção de passeio pela cidade |Divulgação

Open Close é outra opção de passeio pela cidade

Noite

Hora do jantar

Pratos escoceses contemporâneos são servidos num ambiente com vistas deslumbrantes para as dunas de Tentsmuir Forest no restaurante The Tayberry, na área do Broughty Ferry. O premiado chef-proprietário Adam Newth criou um cardápio com iguarias que incluem risoto de caranguejo marrom com sorvete de abacate e bacalhau assado com bhajis de milho verde.

Caia na noite

Dundee tem diversos bares para terminar a noite. Novo na cena, o King of Islington, na Union Street, ganhou reputação rapidamente por causa da qualidade dos coquetéis e a grande carta de rum. Você pode experimentar também o Draffens, o speakeasy de Dundee, dentro de uma antiga loja de departamento em Couttie’s Wynd, uma das antigas ruas de pedra da cidade.