Crédito: Divulgação

Hotel safári na África do Sul é boa opção para turistas brasileiros

3 de julho de 2019

Por Redação

Há 40 anos um dos principais hotéis de safári na África do Sul, o Sabi Sabi Private Game Reserve, abria as portas ao público. Desde então, o lodge vem atraindo viajantes de todo o mundo ao misturar hospedagem de luxo com a experiência de um safári na savana.

Quer ganhar um e-book exclusivo com dicas de viagem? Assine nossa newsletter neste link

Safári na África do Sul

A identidade do hotel pode ser compreendida em grande parte na filosofia do “Ontem, hoje e amanhã”. Ela busca unir a memória de um passado histórico, a conservação do santuário de vida selvagem do presente e a garantia de um futuro sustentável.

O complexo está localizado em uma parte intocada da África do Sul, adjacente ao Kruger National Park, e a menos de uma hora do aeroporto de Skukuza. A estadia nos lodges já inclui, além de todas as refeições, duas saídas diárias para safári, nas quais os hóspedes têm a chance de avistar, entre muitos outros animais, os famosos big 5: leão, rinoceronte, búfalo, leopardo e elefante.

LEIA MAIS: VIAGEM ESPETACULAR DE TREM PELA ÁFRICA LEVA A LUGARES EXÓTICOS
VIAGEM EXÓTICA: O QUE FAZER NA ÁFRICA DO SUL

Hospedagem

Essas ideias estão inseridas nos quatro lodges que compõem o Sabi Sabi: Selati Camp, Bush Lodge, Little Bush Camp e Earth Lodge.

Representando o passado, com decoração em estilo colonial que faz referência às antigas linhas de trem que passavam pela região, está o Selati Camp. Imerso no charme do mundo antigo e com estilo vintage, é o lodge ideal para aqueles que buscam um clima romântico.

A experiência do presente é encontrada no Bush Lodge. O local é ideal para aqueles que buscam o melhor do safári na África do Sul, graças à atmosfera calorosa, agradável e ao serviço de primeira que se tornou sua marca registrada. A propriedade é também a única que aceita crianças e tem toda uma estrutura preparada para os pequenos.

O Little Bush Camp assuma um lugar na transição entre o tradicional e o contemporâneo. Completamente reformado e decorado com uma inspiração africana de luxo, o lodge é um esconderijo sob árvores indígenas. Já o Earth Lodge, reconhecido como uma obra de arte da arquitetura, se mistura ao meio ambiente que o cerca, dando uma sensação de inserção na natureza e permitindo aos hóspedes uma conexão com a savana sul-africana.

Veja fotos dos safáris 

O Rota de Férias criou uma galeria especial com as principais opções para conhecer a vida selvagem africana de perto. Confira:

  • Além de explorar a natureza e ver animais selvagens, os visitantes da Reserva Nacional de Masai Mara, no Quênia, podem fazer passeios de balão
  • Crédito: Visualhunt
    Com 22 mil quilômetros quadrados, os parques nacionais de Tsavo (Tsavo East National Park and Tsavo West National Park) fazem com que o complexo seja o maior do Quênia
  • O Parque Nacional do Serengeti, na Tanzânia, oferece um dos safáris mais bonitos e famosos da África. As savanas do local inspiraram o cenário do clássico "O Rei Leão" (1994)
  • A região de Ngorongoro, também na Tanzânia, abriga um ecossistema com centenas de espécies de animais que vivem em uma grande cratera
  • Além dos mamíferos selvagens, é fácil avistar aves de diferentes espécies no Parque Nacional de Arusha, na Tanzânia
  • Localizado na África do Sul, o Parque Nacional Kruger é a maior referência do país quando o assunto é safari. Vale a pena ficar hospedado nas acomodações dentro da reserva
  • Zebras, rinocerontes e leões são alguns dos animais selvagens que podem ser observados pelos visitantes do Santuário de Vida Selvagem Mlilwane, em Suazilândia
  • Crédito: Carine06 via Visualhunt / CC BY-SA
    Os turistas visitam o Parque Nacional dos Vulcões, em Ruanda, para ver os famosos gorilas que vivem nas montanhas da região
  • Localizado dentro do Delta do Okavango, em Botswana, o Duba Plains é o local ideal para fazer um safári com conforto e ainda observar mamíferos selvagens
  • Crédito:
  • Crédito: travfotos via Visualhunt / CC BY-NC
    No Zimbábue, o Parque Nacional Hwange chama a atenção por abrigar o grupo de animais Big Five: leão, leopardo, elefante, rinoceronte e búfalo
  • Quase na fronteira com o Congo, o Parque Nacional Impenetrável Bwindi, em Uganda, e é lar de uma enorme população de gorilas da montanha
  • O Parque Nacional Kafue, na Zâmbia, tem 22.400 quilômetros quadrados e é o maior da África. Além dos animais selvagens, a observação de pássaros e a pesca são bastante procuradas
  • O Parque Nacional de Etosha, na Namíbia, abriga centenas de animais selvagens, incluindo o raríssimo Rinoceronte-Preto
  • Crédito: Divulgação
    Cortado pelo Rio Chobe, o Parque Nacional do Chobe, em Botsuana, tem lodges confortáveis e conta com uma das maiores populações de elefantes do mundo