Crédito: Divulgação - Visit Britain

Halloween: conheça sete lugares “mal-assombrados” no Reino Unido

30 30-03:00 outubro 30-03:00 2020

Por Redação

Quando o outono chega, entre setembro e novembro, boa parte do Hemisfério Norte ganha um clima especial. As árvores ficam avermelhadas e, aos poucos, começam a secar. Não demora para uma atmosfera sinistra tomar conta dos mais variados ambientes e dar clima ao Halloween, celebrado principalmente nos Estados Unidos.

Quer ganhar um e-book exclusivo com dicas de viagem? Assine nossa newsletter neste link.

Há outros países, porém, que há muito tempo atraem turistas nessa época ávidos por conhecer lugares “mal-assombrados”. É o caso de algumas nações do Reino Unido, como Inglaterra, Escócia e País de Gales. Para quem curte histórias assustadores, confira sete opções na região.

Lugares mal-assombrados no Reino Unido

Raynham Hall, em Norfolk – Inglaterra

Em Norfolk, os “caçadores de fantasmas” podem visitar o Raynham Hall. Construído em 1619, o casarão ficou famoso pelas supostas aparições da “Brown Lady’, ou ‘Dama de Castanho de Raynham Hall’. Em 1936, dois visitantes conseguiram até tirar uma foto que capturou a forma do possível espírito que assombra o local.

Muncaster Castle, em Cumbria – Inglaterra

Uma vez na Cumbria, reserve um passeio pelo Castelo de Muncaster, onde muitas pessoas relataram ter visto aparições perturbadoras, sobretudo na misteriosa sala de tapeçaria. Você pode explorar o Grande Salão, a Biblioteca, a Sala de Jantar e a Sala de Estar para se encantar com a magnitude da arquitetura do castelo.

Neste fim de semana, inclusive, será realizado por lá o Halloween do Castelo de Muncaster. O evento inclui uma exibição de corujas durante o crepúsculo, uma ‘casa de horror’ e um passeio guiado ao redor da fortaleza.

Ancient Ram Inn, em Gloucestershire – Inglaterra

Na cidade de Wotton-under-edge, o antigo pub de Ancient Ram Inn, construído no século 12, é frequentemente descrito como a casa mais mal-assombrada da Grã-Bretanha. Diz a lenda que o bar foi erguido em um local onde acontecia um ritual pagão. Há quem garanta que o espírito de uma mulher acusada de bruxaria e queimada na fogueira nos anos 1500 ainda perambula e assombra o local até hoje. Embora o pub tenha finalizado seus últimos pedidos há muitos anos, o local continua popular entre os turistas “caça-fantasmas”.

Fera de Bodmin em Bodmin Moor – Cornwall

O Vale de Bodmin Moor deu origem à ‘Fera de Bodmin’, lenda local baseada em inúmeras aparições de um ‘gato preto parecido com uma pantera’, com olhos amarelos penetrantes e um apreço por gado. O local é cercado de mistérios, pois é lar também de círculos de pedras pré-históricas, monumentos de pedras monolíticas e uma série de fazendas medievais.

Legoland, em Windsor – Inglaterra

Além de oferecer uma ótima experiência para toda a família, com 55 atrações e shows ao vivo, o Halloween do Legoland Windsor Resort está preparando um evento assustador para todos os monstrinhos. O parque temático promoverá a experiência até 8 de novembro, com direito a festas de vampiros e uma série de outras atividades.

Beco de Mary King, em Edimburgo – Escócia

Diz a lenda que esta área de Edimburgo, capital da Escócia, foi abandonada depois de um surto de peste em 1645, criando um labirinto de ruas subterrâneas, casas e becos vazios sob a Royal Mile (rua mais turística da cidade). Para sentir o gostinho dessa lenda britânica, há passeios de uma hora que exploram as ruas subterrâneas e esquinas do Beco de Mary King, onde você pode até dar de cara com um ‘Plague Doctor’ com máscara de bico de corvo.

Margam Country Park, em Glamorgan – País de Gales

Situado em uma área de mil hectares de terra em Margam Country Park, no sul do País de Gales, o Castelo Margam é mais uma grande construção gótica assombrada do Reino Unido. Apesar de sua bela arquitetura, o local é marcado por muitos contos assustadores a seu respeito. Duas situações sobrenaturais foram relatadas lá: o aparecimento do espírito persistente de um ex-guarda e fantasmas de crianças dando gargalhadas.