Inverno europeu: conheça as estações de esqui da Itália

15 de dezembro de 2017

Por Maria Beatriz Vaccari

Com a chegada do inverno, as estações de esqui da Europa se preparam para receber visitantes ansiosos para praticar esportes de neve. A Itália é um ótimo destino para quem quer curtir o frio ao máximo sem deixar o conforto e a boa gastronomia de lado.

LEIA MAIS: CURTA A NEVE NA ÚNICA ESTAÇÃO DE ESQUI DE PORTUGAL
VALLE NEVADO TEM DESCONTOS DE ATÉ 30% NA TEMPORADA 2018

A região Friuli Venezia Giulia concentra algumas das montanhas mais lindas do país. É possível praticar atividades como esqui, snowboarding e patinação no gelo. Os charmoso vilarejo Forni di Sopra, por exemplo, conta com uma pista de 5,8  quilômetros. Já na vila de Ravascletto, a galera pode pegar um teleférico para subir a montanha e desfrutar de uma pista de 8 quilômetros.

Tarvisio, bem na fronteira entre Itália, Áustria e Eslovênia, é outra opção para curtir o inverno em alto estilo. Também na fronteira com a Eslovênia, o Sella Nevea-Bovec é um dos polos de esqui mais famosos do país. Além das pistas para esportes de neve, o local conta com trilhas que passam por vilarejos dos dois países e são cercadas por partes de natureza praticamente intocadas.

Na região de Vêneto, o destaque fica por conta da Cortina d’Ampezzo, que abriga o circuito Dolomiti Superski. Ele tem mais de 1.200 quilômetros de pistas e oferece conexão a 12 vales. O local é ideal para os viajantes que primam por luxo, pois além de oferecer acomodações sofisticadas, concentra lojas de alto padrão, joalherias, galerias de arte e restaurantes refinados.