Crédito: Divulgação

Festival Internacional de Música de Cesky Krumlov agita a República Checa

10 de julho de 2019

Por Redação

Música clássica, jazz, folk, teatro musical, ópera e fusão de gêneros. Essas são algumas das atrações dos 23 concertos do Festival Internacional de Música de Cesky Krumlov, realizado entre 19 de julho a 10 de agosto na República Checa. Os shows rolam nos espaços interiores e exteriores do castelo da cidade, assim como em outros edifícios dentro do Centro Histórico, que pertence à lista de patrimônios da UNESCO.

Quer ganhar um e-book exclusivo com dicas de viagem? Assine nossa newsletter neste link.

“O festival deste ano continuará na mesma linha dos sucessos dos anos anteriores, mas também apresentará outros tipos de eventos, como uma noite de inauguração na fonte barroca do Castelo de Cesky Krumlov, uma apresentação da ópera Terpsicore de Händel e dois concertos na igreja de Boletice para comemorar o 30º aniversário da queda da cortina de ferro”, declarou o presidente do festival, Jaromír Boháč.

Vale destacar que a lista de locais que serão palco do festival inclui a igreja de São Nicolau, na área de treinamento militar, em Boletice.

Divulgação
Plateia assistindo ao concerto | Divulgação
Plateia assistindo ao concerto

LEIA MAIS: REPÚBLICA CHECA: O QUE FAZER NA REGIÃO DA BOÊMIA DO SUL
4 LUGARES PARA CONHECER NA REPÚBLICA CHECA

Festival Internacional de Música de Cesky Krumlov

O Festival Internacional de Música de Cesky Krumlov doa 5 coroas de cada bilhete vendido. O dinheiro é destinando para a compra de partituras em braile para estudantes com problemas de visão, que também atuam no festival.

Além desta doação, os organizadores preparam outros tipos de iniciativas. Os folhetos de programa, por exemplo, são vendidos a valores simbólicos, destinados à Escola de Música Jaroslav Ježek.

Divulgação
Concerto de música na República Checa | Divulgação
Concerto de música na República Checa

República Checa

Na galeria, confira 30 fotos incríveis das cidades e dos cenários naturais da República Checa.

  • Crédito: UPVISION/CzechTourism
  • Crédito: UPVISION/CzechTourism
  • Crédito: UPVISION/CzechTourism
  • Crédito: UPVISION/CzechTourism
  • Crédito: UPVISION/CzechTourism
  • Crédito: UPVISION/CzechTourism
  • Crédito: Pavel Gabzdyl/ CzechTourism
  • Crédito: Pavel Gabzdyl/ CzechTourism
  • Crédito: Pavel Gabzdyl/ CzechTourism
  • Crédito: Pavel Gabzdyl/ CzechTourism
  • Crédito: Jiří Kružík/CzechTourism
  • Crédito: Jiří Kružík/CzechTourism
  • Crédito: Jiří Kružík/CzechTourism
  • Crédito: Jiří Kružík/CzechTourism
  • Crédito: UPVISION/CzechTourism
  • Crédito:
    UPVISION/CzechTourism
  • Crédito:
    UPVISION/CzechTourism
  • Crédito:
    UPVISION/CzechTourism
  • Crédito:
    UPVISION/CzechTourism
  • Crédito: Michal Vitásek/CzechTourism
  • Crédito: Michal Vitásek/CzechTourism
  • Crédito: Michal Vitásek/CzechTourism
  • Crédito: Jan Strakoš/CzechTourism
  • Crédito: Jan Strakoš/CzechTourism
  • Crédito: Milan Drahoňovský/CzechTourism
  • Crédito: Milan Drahoňovský/CzechTourism
  • Crédito: Pavel Ouředník/CzechTourism
  • Crédito: Pavel Ouředník/CzechTourism
  • Crédito: Libor Sváček/CzechTourism
  • Crédito: Ladislav Renner/CzechTourism