Crédito: Shutterstock.com

Dicas para se dar bem na hora de acampar

20 de dezembro de 2016

Por Maria Beatriz Vaccari

Montar uma barraca no meio do mato e curtir um destino turístico em conexão com a natureza é uma boa pedida para viajar de forma barata e divertida. Dá para optar por campings confortáveis (com cozinha, restaurante e banheiros com água quente) ou seguir para as opções mais “roots”, sem muitos mimos ou luxo.

Independentemente do local escolhido, existem chances do viajante passar por alguns perrengues. Chuva forte e colchões furados estão entre os maiores inconvenientes. O Rota de Férias separou algumas dicas para você não ficar na mão na hora de acampar.

Planejamento

Um dos fatores mais importantes do passeio é escolher bem o camping. Vale a pena verificar se o local conta com cozinha comunitária, mini mercado, se é bem localizado e como é a situação dos banheiros. O importante é optar por algo que combine com os seus gostos. “Pontos de energia também são sempre bem vindos, pois diminuem a tralha que temos que levar”, conta Thiago Lelis, um dos criadores do portal Por Aí de Barraca.

Também vale a pena se atentar à época do ano. A menos que você não se importe, evite acampar em períodos de extremo frio, calor ou chuvosos. Além do desconforto térmico, as chuvas podem trazer imprevistos para as tendas.

Barracas

Na hora de escolher uma barraca, o aventureiro precisa pesquisar bastante para não entrar numa fria. “É sempre importante que a capa externa que a protege vá até o chão para que não junte água nas emendas e costuras. Vale a pena conferir também a coluna d´água para saber a quantidade de líquido que a barraca suporta em casos de chuva”, destaca Lelis. Ele ressalta que os modelos com colunas acima de um metro e meio são as mais resistentes.

Com a barraca definida, é hora de escolher o lugar ideal para armá-la. Lelis explica que a melhor opção é buscar por um terreno plano e sem pedaços de madeira ou pedras, que podem acabar rasgando a barraca e furando o colchão inflável. “Acordar a noite com o colchão furado é sempre desesperador! Já passamos por isso algumas vezes”, conta o profissional.

Não esqueça

Acampar requer alguns itens essenciais. A melhor forma de não passar nervoso por ter esquecido algo é criar um checklist e verificar tudo antes de sair de casa. Barraca, colchão ou colchonete, caixa térmica, lanterna, lâmpada e extensão com bocal não podem faltar. Não se esqueça da bomba par inflar o colchão!

Os aventureiros ainda devem levar remédios essenciais e repelente contra insetos. “Também é importante carregar remendo e cola para o colchão. Em todo caso, procuramos sempre levar um reserva”, destaca Lelis.