5 DIAS NA CORNUALHA

A REGIÃO BRITÂNICA QUE GUARDA LENDAS DO REI ARTHUR SURPREENDE PELAS PAISAGENS E BOA MESA

1 º dia

Mapa da sua rota

Explorando Penzance

– Os trens chegam de Londres diretamente à pacata Penzance, cidadezinha perfeita para começar a viagem pela região. São cinco horas de viagem no total. Por isso, convém deixar a capital londrina pela manhã cedo.

– De lá, dá pra fazer quase tudo de trem, mas é conveniente também alugar um carro ali mesmo para ter mais liberdade e poder fazer belos desvios durante a viagem por esta península, que é banhada pelo Atlântico e o Canal da Mancha. Vale também contratar tours pela região, como os passeios customizados oferecidos pela empresa Tour Cornwall, de Tim Uff.

– Resolvidas as burocracias para os dias seguintes da viagem, hora de explorar a charmosa Penzance por entre suas casinhas de pedra, ruelas com antigas galerias comerciais e inúmeras galerias de arte.

– Curta a atração mais famosa: o Monte St Michael, uma espécie de miniatura do encantador Mont Saint Michel da Normandia francesa. A ilha-abadia fica em meio às aguas de Mount´s Bay, o que torna o tipo de transporte até lá sujeito às oscilações das marés

– Uma vez lá, vá ao mosteiro do século 5 no topo. Na maré baixa, ele é conectado por uma espécie de passarela de paralelepípedos. Na maré alta, chega-se ali com os barcos-shuttle que parte de Penzance.

* Todos os roteiros indicados foram visitados pela equipe de reportagem do Rota de Férias.
2 º dia

Mapa da sua rota

Descubra St Ives

– St Ives é a cidadezinha mais turística de toda a Cornualha. Seu centrinho de ruas de pedras e a avenida à beira-mar estão sempre cheios, mesmo nos dias mais friozinhos.

– Aproveite para passar o dia flanando entre os museus, lojinhas de souvenirs, restaurantes e cafés charmosos que se enfileiram pelas ruelas entre multidões de turistas, sobretudo durante o verão e finais de semana.

– Vale conferir a igreja e a ousada Tate St Ives – e a vista do ótimo café no último andar do museu é tão bacana quanto a de suas salas.

* Todos os roteiros indicados foram visitados pela equipe de reportagem do Rota de Férias.
3 º dia

Mapa da sua rota

Mirante, paisagens naturai e Fowey

– Para ver o melhor das belezas naturais e paisagens com jeito bem selvagem na tão variada e extensa costa córnica num mesmo dia, é fundamental estar com um guia ou carro alugado. Assim dá para fazer o passeio sem esforços – ou encarar as inúmeras opções de trilhas que a região oferece. As distâncias são grandes, mas as estradas são sempre panorâmicas.

– Entre os pontos obrigatórios estão o sensacional mirante do alto das Bedruthan Steps, a curiosa Roche Rock (que tem uma capela esculpida no alto de uma rocha no meio do nada) e o impressionante e incontornável Minack Theatre, um anfiteatro em pedra construído ao ar livre nos penhascos que se debruçam sobre a baía Porthcurno.

– Para terminar um dia perfeito, vale uma passada pelo adorável centrinho da pacata cidadezinha de Fowey.

* Todos os roteiros indicados foram visitados pela equipe de reportagem do Rota de Férias.
4 º dia

Mapa da sua rota

Gastronomia e charme

– Os dois nomes responsáveis pela febre foodie da Cornualha são o internacionalmente conhecido Jamie Oliver, que levou pra lá seu programa de culinária comunitário Fifteen Cornwall), e Rick Stein, chef que virou sinônimo da adorável cidade de Padstow.

– Padstow vem sendo tão fortemente associada a Stein – ali, ele possui de padaria a bed&breakfast, com direito ao fish&amp, chips mais famoso da Inglaterra e o badalado The Seafood Restaurant – que anda sendo chamada de “Padstein”.

– Gostosa de caminhar, com a vida ao sabor das marés, vocação artística e um dos centrinhos mais vibrantes e charmosos da Cornualha, Padstow vale um passeio de dia inteiro.

* Todos os roteiros indicados foram visitados pela equipe de reportagem do Rota de Férias.
5 º dia

Mapa da sua rota

Eden Project

– Curiosamente, mesmo com tantas belezas naturais exuberantes na região, para o público internacional a atração mais conhecida da Cornualha é o Eden Project, com seus imensos jardins e biomas de ares futuristas que abrigam plantas do mundo inteiro.

– Caso viaje em família, aproveite a ida à região para explorar as diversas atividades lúdicas para crianças

– Não deixe também de se jogar na boa oferta de alimentação local, o que casa bem com meio dia de passeio, antes de pegar o trem de volta a Londres.

* Todos os roteiros indicados foram visitados pela equipe de reportagem do Rota de Férias.