Conheça aplicativos e sites que oferecem hospedagens gratuitas

23 de março de 2017

Por Bianca Bellucci

A economia colaborativa, também chamada de economia compartilhada, tem como objetivo reduzir custos ao oferecer um bem ou serviço por um pequeno valor monetário ou até de graça. No setor de turismo, a prática pode ser encontrada principalmente nas hospedagens.

Embora existam plataformas como o Airbnb e o HomeAway, que oferecem acomodações por um preço camarada, há aplicativos e sites que hospedam viajantes de graça. Isso mesmo. E para você participar dessa rede só é necessário ensinar uma habilidade, manter a casa do anfitrião organizada ou oferecer seu próprio lar em troca. O 33Giga, parceiro do Rota de Férias, separou cinco destas plataformas econômicas. Confira!

Leia mais
5 aplicativos para organizar sua viagem
Recurso do Google Voos avisa quando passagens aéreas estão mais econômicas
Empresa ajuda pessoas a viajar o mundo trabalhando

CouchSurfing
O CouchSurfing tem a proposta de compartilhar o sofá de estranhos de graça. Basta digitar para qual lugar você quer ir e ver quem está disposto a abrigar um viajante sem cobrar nada por isso. A proposta do aplicativo é não só que você tenha um lugar para dormir, mas que aproveite para conhecer a cidade baseado na experiência do seu anfitrião. Está disponível para Android e iOS.

GoCambio
A proposta deste portal é unir um viajante que tem uma habilidade para ensinar e um anfitrião que esteja disposto a aprender tal aptidão e ainda dar abrigo para o aventureiro. Para encontrar um local, basta inserir para onde você vai e o site retornará os possíeveis “hotéis”. Se você se identificar com uma pessoa, clique em “Make an offer” e negocie a estadia. Vale lembrar que o hóspede deve compartilhar pelo menos duas horas de seu dia para ensinar a habilidade.

MindMyHouse
Esse site segue os princípios de house sitting, no qual o viajante deve ser a “babá” do imóvel. Enquanto o proprietário está fora, cabe ao hóspede estrangeiro deixar a casa limpa e organizada. Às vezes, também é necessário tomar conta de animais de estimação. A plataforma é gratuita para anfitriões, mas quem quiser se hospedar deve pagar uma mensalidade de US$ 20 para ter acesso às ofertas, que, aliás, incluem até mansões.

TrocaCasa.com
Em um esquema à la “O Amor Não Tira Férias”, este site promove a troca de casas de graça. De um lado, você disponibiliza seu “lar doce lar” detalhando características e período de disponibilidade. Do outro, pessoas interessadas e com casas a oferecer entram em contato. Cabe aos usuários escolherem com quem gostaria de trocar de lugar. Além de ajudar a economizar na viagem, é uma ótima forma de conhecer o país pela perspectiva de nativos.

Worldpackers
Este aplicativo para Android e iOS conecta viajantes e anfitriões interessados em ter experiências únicas. Na prática, é uma rede que possibilita a troca de habilidades por acomodação, refeições e outros benefícios. Entre as oportunidades encontradas está ensinar inglês para um grupo de crianças em uma comunidade carente na Tailândia. Quem aposta no app não só poupa dinheiro como emprega seu tempo em algo que pode mudar o mundo.