Crédito: Paulo Basso Jr.

Como é o Museu da Porsche, em Stuttgart

26 de dezembro de 2017

Por Paulo Basso Jr.

Nem é preciso entrar no Museu da Porsche, em Stuttgart, na Alemanha, para se apaixonar por ele. Isso porque a mostra ocupa um belíssimo prédio futurista que parece se sustentar de forma proibitiva sobre três pilares, formando um conjunto visual arrematador desenhado pelo escritório de arquitetura Delugan Meissl, de Viena, na Áustria.

LEIA MAIS: 3 dias em Munique
Do primeiro carro do mundo a modelos clássicos: conheça o Museu da Mercedes, na Alemanha

Ainda do lado de fora, alguns modelos da Porsche são refletidos no teto espelhado e já criam um clima de devoção entre os fãs. Muitos deles demoram a entrar no museu, pois ficam de queixo caído diante de três hastes de 24 metros de altura que ostentam um 911 em cada ponta e deixam claro que aquele é o lugar para os fãs da montadora.

Paulo Basso Jr.

Museu da Porsche

Uma vez dentro do prédio, há um sofisticado restaurante do lado esquerdo, um bar ao fundo e uma loja com acessórios, roupas e miniaturas do lado direito, com a recepção no meio. Ali são vendidos os ingressos, inclusive um especial que, por 90 euros, permite conhecer a fundo a arquitetura do museu.

Boa parte das pessoas, entretanto, não tira o olho de uma tabela que revela os preços para alugar um Porsche e sair dirigindo dali. Por 99 euros é possível rodar uma hora com um 718 Boxter ou um 718 Cayman, por 100 km. O modelo mais desejado, entretanto, é o 911, que sai entre 139 euros a hora (por até 100 km) e 2.599 euros por uma semana com possibilidade de dirigir até 1.500 km.

Se a ideia é apenas visitar o museu, entretanto, pegue um audioguia (há opções em inglês e espanhol, mas não em português) e siga pela escada rolante até o segundo andar. Ali você dará de cara com o Modell C.2 Phaeton, de 1898, o primeiro protótipo feito por Ferdinand Porsche ao implantar um motor elétrico em um chassi Hof-Wagen-Fabrik

Foto: Paulo Basso Jr.

Modell C.2 Phaeton

O roteiro então segue por plataformas que se elevam sutilmente e, num primeiro momento, exibem os modelos desenvolvidos por Ferry, como Ferdinand era conhecido, até 1948. A maioria deles foi projetado para a Daimler, empresa que daria origem à Mercedes-Benz.

O destaque do espaço, porém, é um Fusca preto de 1934, desenhado por Ferdinand a pedido do governo alemão de Hitler. Assim surgia a Volkswagen.

Foto: Paulo Basso Jr.

Fusca desenhado por Ferdinand Porsche

80 modelos Porsche
Na segunda parte da visita, por sua vez, aparecem os primeiros modelos da Porsche propriamente dita. Há mais de 80 veículos expostos, com todos os clássicos para delírio dos fãs: 356, 550, 911, 917, Carrera GT, 959 e derivados, numa profusão de cores impactante. Placas indicam detalhes sobre os automóveis e também contam com um leitor eletrônico, para o qual você deve apontar o audioguia caso queira obter mais informações.

Foto: Divulgação

Museu da Porsche

Em boa parte do trajeto é possível ver também automóveis de corrida, inclusive os clássicos vencedores das 24 horas de Le Mans. Destaque para o 911 GT1 e um 917 cor-de-rosa, também conhecido como Pink Pig, produzido para ser o primeiro a superar a barreira dos 400 km/h durante a corrida.

LEIA MAIS: 4 dias em Berlim
4 dias na Rota Romântica

Mais para frente há ainda alguns frutos de parcerias feitas pela Porsche, como uma motocicleta Harley-Davidson e a McLaren TAG MP 4/2 C usada pelo francês Alan Prost na Fórmula-1. Há ainda uma área com os troféus conquistados pela montadora alemã em competições esportivas.

Foto: Paulo Basso Jr.

McLaren TAG MP 4/2 C

No final do passeio, já diante carros desenvolvidos para a polícia alemã e modelos mais novos, como Panamera, Macan e Cayenne, é possível encontrar salas com projeções de vídeos e máquinas interativas, onde as crianças (e os adultos também) podem brincar de acelerar e escutar o barulho de motores, por exemplo. Por conta disso, visitar o Museu da Porsche em Stuttgart é um programa divertido, inclusive, para ser feito em família.

Serviço: O Museu da Porsche funciona de terça a domingo, das 9h às 18h. Ingressos a partir de 8 euros. Fica em frente à estação de S-Bahn (trem rápido) Neuwirtshaus/Porscheplatz, em Stuttgart, na Alemanha.

  • Crédito: Paulo Basso Jr.
  • Crédito: Paulo Basso Jr.
  • Crédito: Paulo Basso Jr.
  • Crédito: Paulo Basso Jr.
  • Crédito: Divulgação
  • Crédito: Paulo Basso Jr.
  • Crédito: Paulo Basso Jr.
  • Crédito: Paulo Basso Jr.
  • Crédito: Paulo Basso Jr.
  • Crédito: Paulo Basso Jr.
  • Crédito: Paulo Basso Jr.
  • Crédito: Paulo Basso Jr.
  • Crédito: Paulo Basso Jr.
  • Crédito: Paulo Basso Jr.
  • Crédito: Paulo Basso Jr.
  • Crédito: Paulo Basso Jr.
  • Crédito: Paulo Basso Jr.
  • Crédito: Paulo Basso Jr.
  • Crédito: Paulo Basso Jr.
  • Crédito: Paulo Basso Jr.
  • Crédito: Paulo Basso Jr.
  • Crédito: Paulo Basso Jr.
  • Crédito: Paulo Basso Jr.
  • Crédito: Paulo Basso Jr.
  • Crédito: Paulo Basso Jr.
  • Crédito: Paulo Basso Jr.
  • Crédito: Paulo Basso Jr.
  • Crédito: Paulo Basso Jr.
  • Crédito: Paulo Basso Jr.
  • Crédito: Paulo Basso Jr.
  • Crédito: Paulo Basso Jr.
  • Crédito: Paulo Basso Jr.
  • Crédito: Paulo Basso Jr.
  • Crédito: Paulo Basso Jr.
  • Crédito: Paulo Basso Jr.
  • Crédito: Paulo Basso Jr.
  • Crédito: Paulo Basso Jr.
  • Crédito: Paulo Basso Jr.
  • Crédito: Paulo Basso Jr.
  • Crédito: Paulo Basso Jr.
  • Crédito: Paulo Basso Jr.
  • Crédito: Paulo Basso Jr.
  • Crédito: Paulo Basso Jr.
  • Crédito: Paulo Basso Jr.
  • Crédito: Paulo Basso Jr.
  • Crédito: Paulo Basso Jr.
  • Crédito: Paulo Basso Jr.
  • Crédito: Paulo Basso Jr.
  • Crédito: Paulo Basso Jr.
  • Crédito: Paulo Basso Jr.
  • Crédito: Paulo Basso Jr.
  • Crédito: Paulo Basso Jr.
  • Crédito: Paulo Basso Jr.
  • Crédito: Paulo Basso Jr.
  • Crédito: Paulo Basso Jr.
  • Crédito: Paulo Basso Jr.
  • Crédito: Paulo Basso Jr.
  • Crédito: Paulo Basso Jr.
  • Crédito: Paulo Basso Jr.
  • Crédito: Paulo Basso Jr.
  • Crédito: Paulo Basso Jr.
  • Crédito: Paulo Basso Jr.
  • Crédito: Paulo Basso Jr.
  • Crédito: Paulo Basso Jr.
  • Crédito: Paulo Basso Jr.
  • Crédito: Paulo Basso Jr.
  • Crédito: Paulo Basso Jr.
  • Crédito: Paulo Basso Jr.
  • Crédito: Paulo Basso Jr.
  • Crédito: Paulo Basso Jr.
  • Crédito: Paulo Basso Jr.
  • Crédito: Paulo Basso Jr.
  • Crédito: Paulo Basso Jr.
  • Crédito: Divulgação