Crédito: credit: FcoMG // Humming via Visual hunt / CC BY

Bons lugares para curtir nos arredores de São Paulo

16 de setembro de 2019

Por Maria Beatriz Vaccari

Quem mora em São Paulo (SP) tem sempre algo novo para fazer. Além de contar com várias atrações turísticas e culturais, a cidade tem bons restaurantes especializados em cozinhas do mundo inteiro. Apesar disso, tem dias em que os paulistanos só querem dar uma escapadinha para fugir da agitação e da rotina da megalópole. O Rota de Férias separou seis sugestões de destinos nos arredores de São Paulo para fazer um “bate e volta”.

Bons lugares para curtir nos arredores de São Paulo

São Roque

Localizada a pouco mais de uma hora de São Paulo, São Roque (SP) tem atrações para diversos tipos de público. Uma das principais da cidade é o Sky Montain Park, que oferece a possibilidade de praticar esportes de inverno em pistas artificiais. Dá para esquiar, andar de snowboard e até patinar. Quem não está afim de radicalizar pode optar por passeios pelas vinícolas da região.

Templo Zu Lai

O Templo Zulai, em Cotia, é o destino ideal para quem quer escapar da capital por algumas horas. O refúgio budista segue os princípios da escola chinesa Fo Guang Shan. Aproveite para relaxar, meditar, conhecer a cultura budista e entrar em contato com a natureza.

Foto: Maria Beatriz Vaccari
screenshot_1
Templo Zu Lai fica a cerca de uma hora de São Paulo

Embu das Artes

Pertinho da capital paulista (cerca de 50 minutos de carro), Embu das Artes encanta qualquer fã de artesanato. A cidade conta com várias lojinhas e feirinhas, que vendem os mais variados tipos de objetos de decoração, pinturas e até cachaças. Dá para se aventurar nos antiquários e achar vários móveis e produtos retrô.

Paranapiacaba

Famosa pela neblina e arquitetura em estilo inglês, Paranapiacaba é queridinha entre os aventureiros. Isso porque o distrito, que pertence a Santo André (SP), oferece vários passeios e trilhas em meio à natureza. Dá para ir de carro e também de trem turístico, que parte de Estação da Luz.

Holambra

Apelidada de “Cidade das Flores”, Holambra surpreende por seus cenários coloridos e cheios de plantas – principalmente durante a primavera! Dá para passear pela cidade, conhecer plantações e até aproveitar para aprender um pouquinho mais sobre a cultura local, que tem bastante influência holandesa.

Santos

Um dos programas prediletos dos paulistas que querem curtir a praia no final de semana é “descer” para Santos. Além de ficar pertinho da capital, a cidade é ótima para relaxar, caminhar na areia e se acabar nos restaurantes especializados em frutos do mar. Se estiver com crianças vale a pena visitar o Aquário Municipal.

Turismo em São Paulo

Quem quer aproveitar a capital paulista também encontra uma série de atrações legais. Conheça as principais:

  • Crédito: Caio Silveira/SPTuris
    Conheça os principais pontos turísticos de São Paulo - A Estação da Luz abriu as portas em 1901. Ela foi construída com estruturas trazidas da Inglaterra. A intenção era "recriar" o Big Ben e a abadia de Westminter, ambas de Londres, na Inglaterra
  • Crédito: Jefferson Pancier/SPTuris
    O Theatro Municipal de São Paulo encanta os visitantes com suas estruturas clássicas e vitrais. Ao visitar a cidade, vale a pena conferir a programação e assistir a uma apresentação por lá
  • Crédito: Miguel_Schincariol/FCVB/SPTuris
    A 25 de março é uma das ruas mais famosas da cidade. O local, cheio de barraquinhas e galerias, é ideal para quem gosta de comprar produtos baratos
  • Crédito: SPTuris
    A Avenida Paulista o principal cartão postal de São Paulo. A via conta com shoppings, prédios comerciais, cinemas, parques, museus e atrações de rua. Isso sem contar o MASP, com altas exposições
  • Crédito: SPTuris
    Um dos grandes destaques da região central é o Viaduto do Chá. Pouca gente sabe, mas até 1897 era preciso pagar uma taxa para cruzar os 204 metros da ponte
  • Crédito: Rubens Chiri/SPTuris
    A Catedral da Sé é a igreja mais famosa de São Paulo. Assim como a cidade, ela também faz aniversário em 25 de janeiro
  • Crédito: Rubens Chiri/SPTuris
    O Marco Zero da capital paulista fica na Praça da Sé, bem em frente à Catedral da Sé
  • Crédito: Rubens Chiri/SPTuris
    O Pateo do Collegio é mais um pedacinho de história no Centro de São Paulo. Foi lá que ocorreu a fundação oficial da cidade, no dia 25 de janeiro de 1554
  • Crédito: Rubens Chiri/SPTuris
    A Rua José Paulino, localizada no bairro do Bom Retiro, é o point de quem quer comprar roupas com bons preços
  • Crédito: Rubens Chiri/SPTuris
    Com 165 metros de altura, o Edifício Itália foi o maior prédio da cidade por muito tempo. O tradicional restaurante Terraço Itália, que fica no topo, tem a vista mais bonita da cidade
  • Crédito: Rubens Chiri/SPTuris
    Vista panorâmica do Terraço Itália. Há um bar ali para quem deseja apreciar a cidade ao entardecer e também iluminada, de noite, na companhia de um bom drinque
  • Crédito: Miguel Schincariol/SPTuris
    A esquina da Avenida Ipiranga com a Avenida São João se tornou um ponto turístico graças à música "Sampa", de Caetano Veloso
  • Crédito: Rubens Chiri/SPTuris
    Apelidado de "Ibira", o parque do Ibirapuera é um dos símbolos de São Paulo. Ali a galera caminha, assiste a shows, pratica variados tipos de exercícios e vai a exposições em estruturas como a Oca e a Bienal
  • Crédito: Rubens Chiri/SPTuris
    Além de ser lindíssima, a Sala São Paulo recebe concertos nacionais e internacionais. É um dos edifícios com melhor acústica do Brasil
  • Crédito: Caio Pimenta/SPTuris
    O Edifício Altino Arantes, também chamado de Prédio do Banespa, tem um dos mirantes mais legais da capital. A construção teve como inspiração o arranha-céu Empire State Building, símbolo de Nova York, nos EUA
  • Crédito: Fernando Heise/SPTuris
    São Paulo também se destaca no Carnaval. Os desfiles das escolas de samba rolam no Sambódromo do Anhembi e atraem gente do mundo todo para a capital paulista
  • Crédito: Priscilla Vilariño/SPTuris
    Os detalhes do Centro de São Paulo ficam ainda mais charmosos ao anoitecer
  • Crédito: José Cordeiro/SPTuris
    A Galeria do Rock é point para quem gosta de música. Dá para comprar roupas, CDs, discos de vinil e até fazer tatuagens
  • Crédito: Caio Pimenta/SPTuris
    O Jardim Botânico abriga 380 espécies de árvores, que são usadas para estudos. Também é fácil ver animais por lá, principalmente pássaros
  • Crédito: Divulgação
    O bairro da Liberdade é um pedacinho do Japão em São Paulo. Ali dá para fazer compras e provar iguarias da gastronomia oriental
  • Crédito: Shutterstock.com
    Museu de Arte de São Paulo Assis Chateaubriand (MASP) é um dos prédios mais "diferentões" do mundo. O destaque fica para as quatro colunas que sustentam a estrutura e deixam um vão livre de mais de 70 metros
  • Crédito: Caio Silveira/SPTuris
    O Museu da Imigração do Estado de São Paulo é uma homenagem aos estrangeiros que vieram viver no Brasil
  • Crédito: Priscilla Vilariño/SPTuris
    O Mercado Municipal, apelidado de Mercadão, é cheio de colunas e vitrais maravilhosos. Além da beleza arquitetônica, os alimentos vendidos por lá são sempre fresquinhos
  • Crédito: Caio Pimenta/SPTuris
    O sanduíche de mortadela e o pastel de bacalhau são as principais atrações do Mercadão
  • Crédito: Priscilla Vilariño/SPTuris
    O Mosteiro de São Bento conquista os visitantes com vitrais, pinturas e detalhes. Foi lá que o Papa Bento XVI ficou hospedado durante sua visita ao Brasil
  • Crédito: José Rosael/SPTuris
    Apesar de estar passando por reformas, vale a pena ver o Museu do Ipiranga, nem que seja por fora. A construção luxuosa fica de frente para o Parque da Independência
  • Crédito: Shutterstock.com
    A Pinacoteca é o museu mais charmosinho de São Paulo. Além de receber exposições badaladas, o local oferece entrada gratuita aos sábados
  • Crédito: Jefferson Pancieri
    Cheio de natureza e obras de arte ao ar livre, o Parque da Luz fica bem ao lado da Pinacoteca
  • Crédito: Caio Pimenta/SPTuris
    Além dos tours durante o dia, o Zoológico de São Paulo oferece passeios à noite, que são bons para acompanhar a rotina de animais com hábitos noturnos
  • Crédito: Divulgação/Marcos Lopes
    O Estádio Municipal Paulo Machado de Carvalho, mais conhecido como Pacaembu, atrai milhares de fãs de futebol. É lá que fica o interativo e tecnológico Museu do Futebol, que tem entrada gratuita aos sábados. Saiba mais: https://goo.gl/PAFcCi