Crédito: credit: FcoMG // Humming via Visual hunt / CC BY

Bons lugares para curtir nos arredores de São Paulo

19 19-03:00 julho 19-03:00 2020

Por Maria Beatriz Vaccari

Quem mora em São Paulo (SP) tem sempre algo novo para fazer. Além de contar com várias atrações turísticas e culturais, a cidade tem bons restaurantes especializados em cozinhas do mundo inteiro.

Agora que o distanciamento social mudou o comportamento de muita gente, porém, viajar de carro pelo interior tem sido a melhor opção para muitas pessoas – o recomendado ainda é ficar em casa, mas há quem já se sinta confortável para tirar alguns dias de lazer.

O Rota de Férias separou seis sugestões de destinos nos arredores de São Paulo para fazer um “bate e volta”, mesmo que seja para quando a pandemia estiver controlada.

Bons lugares para curtir nos arredores de São Paulo

São Roque

Localizada a pouco mais de uma hora de São Paulo, São Roque (SP) tem atrações para diversos tipos de público. Uma das principais da cidade é o Sky Montain Park, que oferece a possibilidade de praticar esportes de inverno em pistas artificiais. Dá para esquiar, andar de snowboard e até patinar. Quem não está afim de radicalizar pode optar por passeios pelas vinícolas da região.

Templo Zu Lai

O Templo Zulai, em Cotia, é o destino ideal para quem quer escapar da capital por algumas horas. O refúgio budista segue os princípios da escola chinesa Fo Guang Shan. Aproveite para relaxar, meditar, conhecer a cultura budista e entrar em contato com a natureza.

Foto: Maria Beatriz Vaccari
screenshot_1
Templo Zu Lai fica a cerca de uma hora de São Paulo

Embu das Artes

Pertinho da capital paulista (cerca de 50 minutos de carro), Embu das Artes encanta qualquer fã de artesanato. A cidade conta com várias lojinhas e feirinhas, que vendem os mais variados tipos de objetos de decoração, pinturas e até cachaças. Dá para se aventurar nos antiquários e achar vários móveis e produtos retrô.

Paranapiacaba

Famosa pela neblina e arquitetura em estilo inglês, Paranapiacaba é queridinha entre os aventureiros. Isso porque o distrito, que pertence a Santo André (SP), oferece vários passeios e trilhas em meio à natureza. Dá para ir de carro e também de trem turístico, que parte de Estação da Luz.

Holambra

Apelidada de “Cidade das Flores”, Holambra surpreende por seus cenários coloridos e cheios de plantas – principalmente durante a primavera! Dá para passear pela cidade, conhecer plantações e até aproveitar para aprender um pouquinho mais sobre a cultura local, que tem bastante influência holandesa.

Santos

Um dos programas prediletos dos paulistas que querem curtir a praia no final de semana é “descer” para Santos. Além de ficar pertinho da capital, a cidade é ótima para relaxar, caminhar na areia e se acabar nos restaurantes especializados em frutos do mar. Se estiver com crianças vale a pena visitar o Aquário Municipal.

Turismo em São Paulo

Quem quer aproveitar a capital paulista também encontra uma série de atrações legais. Conheça as principais:

  • Crédito: Caio Silveira/SPTuris
    Conheça os principais pontos turísticos de São Paulo - A Estação da Luz abriu as portas em 1901. Ela foi construída com estruturas trazidas da Inglaterra. A intenção era "recriar" o Big Ben e a abadia de Westminter, ambas de Londres, na Inglaterra
  • Crédito: Jefferson Pancier/SPTuris
    O Theatro Municipal de São Paulo encanta os visitantes com suas estruturas clássicas e vitrais. Ao visitar a cidade, vale a pena conferir a programação e assistir a uma apresentação por lá
  • Crédito: Miguel_Schincariol/FCVB/SPTuris
    A 25 de março é uma das ruas mais famosas da cidade. O local, cheio de barraquinhas e galerias, é ideal para quem gosta de comprar produtos baratos
  • Crédito: SPTuris
    A Avenida Paulista o principal cartão postal de São Paulo. A via conta com shoppings, prédios comerciais, cinemas, parques, museus e atrações de rua. Isso sem contar o MASP, com altas exposições
  • Crédito: SPTuris
    Um dos grandes destaques da região central é o Viaduto do Chá. Pouca gente sabe, mas até 1897 era preciso pagar uma taxa para cruzar os 204 metros da ponte
  • Crédito: Rubens Chiri/SPTuris
    A Catedral da Sé é a igreja mais famosa de São Paulo. Assim como a cidade, ela também faz aniversário em 25 de janeiro
  • Crédito: Rubens Chiri/SPTuris
    O Marco Zero da capital paulista fica na Praça da Sé, bem em frente à Catedral da Sé
  • Crédito: Rubens Chiri/SPTuris
    O Pateo do Collegio é mais um pedacinho de história no Centro de São Paulo. Foi lá que ocorreu a fundação oficial da cidade, no dia 25 de janeiro de 1554
  • Crédito: Rubens Chiri/SPTuris
    A Rua José Paulino, localizada no bairro do Bom Retiro, é o point de quem quer comprar roupas com bons preços
  • Crédito: Rubens Chiri/SPTuris
    Com 165 metros de altura, o Edifício Itália foi o maior prédio da cidade por muito tempo. O tradicional restaurante Terraço Itália, que fica no topo, tem a vista mais bonita da cidade
  • Crédito: Rubens Chiri/SPTuris
    Vista panorâmica do Terraço Itália. Há um bar ali para quem deseja apreciar a cidade ao entardecer e também iluminada, de noite, na companhia de um bom drinque
  • Crédito: Miguel Schincariol/SPTuris
    A esquina da Avenida Ipiranga com a Avenida São João se tornou um ponto turístico graças à música "Sampa", de Caetano Veloso
  • Crédito: Rubens Chiri/SPTuris
    Apelidado de "Ibira", o parque do Ibirapuera é um dos símbolos de São Paulo. Ali a galera caminha, assiste a shows, pratica variados tipos de exercícios e vai a exposições em estruturas como a Oca e a Bienal
  • Crédito: Rubens Chiri/SPTuris
    Além de ser lindíssima, a Sala São Paulo recebe concertos nacionais e internacionais. É um dos edifícios com melhor acústica do Brasil
  • Crédito: Caio Pimenta/SPTuris
    O Edifício Altino Arantes, também chamado de Prédio do Banespa, tem um dos mirantes mais legais da capital. A construção teve como inspiração o arranha-céu Empire State Building, símbolo de Nova York, nos EUA
  • Crédito: Fernando Heise/SPTuris
    São Paulo também se destaca no Carnaval. Os desfiles das escolas de samba rolam no Sambódromo do Anhembi e atraem gente do mundo todo para a capital paulista
  • Crédito: Priscilla Vilariño/SPTuris
    Os detalhes do Centro de São Paulo ficam ainda mais charmosos ao anoitecer
  • Crédito: José Cordeiro/SPTuris
    A Galeria do Rock é point para quem gosta de música. Dá para comprar roupas, CDs, discos de vinil e até fazer tatuagens
  • Crédito: Caio Pimenta/SPTuris
    O Jardim Botânico abriga 380 espécies de árvores, que são usadas para estudos. Também é fácil ver animais por lá, principalmente pássaros
  • Crédito: Divulgação
    O bairro da Liberdade é um pedacinho do Japão em São Paulo. Ali dá para fazer compras e provar iguarias da gastronomia oriental
  • Crédito: Shutterstock.com
    Museu de Arte de São Paulo Assis Chateaubriand (MASP) é um dos prédios mais "diferentões" do mundo. O destaque fica para as quatro colunas que sustentam a estrutura e deixam um vão livre de mais de 70 metros
  • Crédito: Caio Silveira/SPTuris
    O Museu da Imigração do Estado de São Paulo é uma homenagem aos estrangeiros que vieram viver no Brasil
  • Crédito: Priscilla Vilariño/SPTuris
    O Mercado Municipal, apelidado de Mercadão, é cheio de colunas e vitrais maravilhosos. Além da beleza arquitetônica, os alimentos vendidos por lá são sempre fresquinhos
  • Crédito: Caio Pimenta/SPTuris
    O sanduíche de mortadela e o pastel de bacalhau são as principais atrações do Mercadão
  • Crédito: Priscilla Vilariño/SPTuris
    O Mosteiro de São Bento conquista os visitantes com vitrais, pinturas e detalhes. Foi lá que o Papa Bento XVI ficou hospedado durante sua visita ao Brasil
  • Crédito: José Rosael/SPTuris
    Apesar de estar passando por reformas, vale a pena ver o Museu do Ipiranga, nem que seja por fora. A construção luxuosa fica de frente para o Parque da Independência
  • Crédito: Shutterstock.com
    A Pinacoteca é o museu mais charmosinho de São Paulo. Além de receber exposições badaladas, o local oferece entrada gratuita aos sábados
  • Crédito: Jefferson Pancieri
    Cheio de natureza e obras de arte ao ar livre, o Parque da Luz fica bem ao lado da Pinacoteca
  • Crédito: Caio Pimenta/SPTuris
    Além dos tours durante o dia, o Zoológico de São Paulo oferece passeios à noite, que são bons para acompanhar a rotina de animais com hábitos noturnos
  • Crédito: Divulgação/Marcos Lopes
    O Estádio Municipal Paulo Machado de Carvalho, mais conhecido como Pacaembu, atrai milhares de fãs de futebol. É lá que fica o interativo e tecnológico Museu do Futebol. Saiba mais: https://goo.gl/PAFcCi